Bombeiros Criaram Associação para Busca e Salvamento - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 4 de julho de 2019

Bombeiros Criaram Associação para Busca e Salvamento


Em Vila das Aves, ex-bombeiros de equipas cinotécnicas apostam em estrutura com várias valências.

Vão ter sede física em Vila das Aves, Santo Tirso, mas já são do país e do Mundo em prol do socorro a vítimas de acidentes ou de catástrofes naturais, uma missão que andava a ser planeada há um par de anos por Pedro Baptista e Tiago Fonseca, então bombeiros integrados em equipas cinotécnicas nos voluntários de Valongo e de Vila das Aves, respetivamente.

Depois de deixarem as corporações, fundaram, no passado dia 24 de maio, a Associação Portuguesa de Busca e Salvamento, que "está em processo de reconhecimento na Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil" mas já se encontra a postos para atuar "em qualquer cenário", assegura Pedro Baptista, que assume as funções de comandante da equipa.

"Preparamo-nos para intervir em grandes situações", realça Tiago Fonseca, o segundo-comandante da estrutura, a qual conta, para já, com "15 pessoas", entre "operacionais de 1ª, 2ª e 3ª" que incluem "médicos e enfermeiros", entre outros profissionais. "Acabamos por criar uma equipa variada, multidisciplinar", observa Pedro Baptista, destacando que a associação também atua no âmbito da emergência pré-hospitalar. E, além dessa valência e da busca e salvamento, segundo a qual querem apostar no resgate em cenário de escombros, também atuam ao nível do salvamento animal, bem como dos primeiros-socorros e transporte de animais com oxigenoterapia - "somos os únicos no país habilitados para fazê-lo", orgulha-se o comandante -, resgate em altura (salvamento em grande ângulo) e abertura de acessos e escoramento.

Enquanto binómios, Pedro e Tiago também estão preparados para atuar como brigada helitransportada com os respetivos cães - as pastores-belgas-malinois Tracy e Noah, que são treinadas para o efeito no âmbito da busca e salvamento. Graças a uma formação das Nações Unidas (ONU), os elementos da associação estão ainda aptos para "receber equipas estrangeiras e trabalhar com o sistema internacional "Insarag"" e acorrer a situações de "catástrofe com tiroteio".

A vasta preparação só é possível com uma aposta forte na formação e em equipamento, o que a equipa consegue com apoios que vão chegando da comunidade, como donativos de empresas que apoiam o projeto, e dos cursos de formação que a própria associação ministra - nas áreas de busca e salvamento e de primeiros-socorros a animais -, os quais funcionam como fonte de receitas. Entretanto, a associação irá instalar-se no antigo edifício da Junta de Vila das Aves, que foi cedido para o efeito, e continuar a "expandir" a equipa.

Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________