Camionista Português Alcoolizado Causa Dois Mortos em Espanha - VIDA DE BOMBEIRO

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 9 de agosto de 2018

Camionista Português Alcoolizado Causa Dois Mortos em Espanha


Um condutor alcoolizado de um camião com matrícula portuguesa invadiu a faixa oposta de uma estrada em Burgos, Espanha, e provocou uma colisão com dois carros e uma mota, na quarta-feira. Do acidente resultaram dois mortos e quatro feridos.

As vítimas mortais são um homem de 26 anos e uma mulher de 22, provenientes de Pontevedra, Galiza, que se encontravam num dos veículos ligeiros. Os quatro feridos leves, ocupantes do outro carro e da mota, são todos do sexo masculino e têm entre os 18 e os 58 anos. Foram assistidos no local pelas ambulâncias de Suporte Básico de Vida e uma das pessoas terá precisado de ser desencarcerada.

Foram necessárias três gruas para levantar o camião, segundo o site "Burgosconecta".

O condutor do camião é português e foi transportado, em estado grave, para o Hospital Universitário de Burgos. Segundo explicou a Guardia Civil à agência de notícias Europapress, apresentou uma taxa de álcool no sangue acima do permitido por lei.

O acidente aconteceu por volta das 15 horas locais, na zona de Quintanapalla, quando o camião se deslocou para a faixa contrária da estrada N-I e colidiu com um veículo ligeiro. O pesado terá empurrado o automóvel para um descampado, fora da via. O carro com os dois jovens que morreram terá ficado preso debaixo do camião, que tombou. Uma mota e um outro automóvel também terão colidido com o pesado, provocando os quatro feridos ligeiros.

No local estiveram os bombeiros de Burgos e Emergências Sanitárias, Sacyl (serviço público de saúde de Castilla e León), ambulâncias de Suporte Básico de Vida e um helicóptero de emergência médica.

Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário