"Os Bombeiros Voluntários São Tratados Abaixo de Cão" - VIDA DE BOMBEIRO

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

segunda-feira, 2 de julho de 2018

"Os Bombeiros Voluntários São Tratados Abaixo de Cão"


O presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito do Porto, José Miranda, defendeu nos Bombeiros de Paço de Sousa, uma revisão do actual modelo e que é necessário avançar para a contratualização.

“O poder político fala muito nos bombeiros, agora efectivamente nada tem sido colocado à disponibilidade do agente da protecção civil bombeiros para que o socorro às populações melhore. O modelo tem de ser revisto, as tutelas, o poder central e o poder autárquico têm que dizer o que é que querem e chegarem-se à frente. Temos de avançar para a contratualização, os bombeiros têm de dispor de viaturas, equipamentos e recursos humanos”, anuiu, reiterando a necessidade dos voluntários serem tratados com a dignidade que merecem.

“Os voluntários são tratados abaixo de cão, não têm uma simpatia, de um desconto de um transporte público, não têm ajuda para os estudos dos filhos. Em França são atribuídas compensações aos bombeiros ou são-lhes atribuídos descontos no IRS ou apoios na habitação. Uma empresa que tenha nos seus quadros bombeiros é ressarcida das horas que os bombeiros deixaram de trabalhar”, declarou, defendendo que a as equipas de intervenção permanente no interior vão criar cinco postos de trabalho, humanizar o interior, a floresta e contribuir de forma forma positiva para fazer uma prevenção sustentada e planeada.

Verdadeiro Olhar

Sem comentários:

Enviar um comentário