Viaturas e Equipamentos para os Bombeiros Não Chegam a 1% do PRR - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sexta-feira, 14 de junho de 2024

Viaturas e Equipamentos para os Bombeiros Não Chegam a 1% do PRR

 


Viaturas e equipamentos para os bombeiros não chegam a 1% do PRR


As viaturas que esta tarde serão entregues aos bombeiros em Pombal fazem parte de um lote de 81 que, somadas aos equipamentos de proteção também previstos, não passam de 0,09 % dos apoios atribuídos a Portugal no âmbito do PRR (18,6 milhões de euros). Trata-se de um investimento mais que insuficiente, apenas destinado à área do combate aos fogos florestais e, mais uma vez, esquecendo os investimentos que tardam há muito nos domínios dos acidentes rodoviários, marítimos e incêndios urbanos e industriais.


Em 2022, a Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) efetuou um estudo às viaturas operacionais dos bombeiros com mais de 25 anos em que identificou 1204 com idade superior a 31 anos. Passados dois anos, e não tendo havido qualquer esforço significativo do Estado para ir ultrapassando a situação, fácil é concluir que piorou.


Então, a LBP propôs, escalonada em 4 anos, a aquisição de 672 viaturas de bombeiros, de combate a incêndios e não só florestais, 2352 equipamentos de proteção individual (EPI) e mais 7728 outros equipamentos de segurança.


Imagem | Arquivo 

Sem comentários:

Enviar um comentário