Depois dos incêndios, enxurradas provocam destruição na Serra da Estrela - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

terça-feira, 13 de setembro de 2022

Depois dos incêndios, enxurradas provocam destruição na Serra da Estrela

 


Depois dos grandes incêndios, as chuvas fortes desta madrugada causaram enxurradas que deixaram um rasto de destruição na Serra da Estrela.


“Os danos são enormes, várias viaturas foram arrastadas pela força da água, temos casas e negócios afetados, estradas, iluminação pública, infraestruturas de água e saneamento, equipamentos desportivos e lúdicos, entre outros”, refere o presidente da Câmara de Manteigas, Flávio Massano.


“Estamos desde as 3:20 no terreno, hora a partir da qual ativei o Plano de Emergência Municipal (a ratificar posteriormente), para poderem ser mobilizados vários meios municipais, da freguesia, bombeiros, sapadores, GNR e, principalmente, de civis, que, neste momento, efetuam trabalhos conjuntos de desobstrução de canais, vias e habitações sob a orientação da Proteção Civil”, salienta.


Flávia Massano adianta que “por agora” nã há informação de feridos nem de desaparecidos.


Aviso amarelo

Recorde-se que, devido ao ciclone Danielle, quinze distritos de Portugal continental e os grupos ocidental e central dos Açores estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de chuva por vezes forte e ocasionalmente acompanhada de rajadas fortes, indicou o IPMA.


De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Aveiro, Viseu, Guarda, Coimbra, Leiria, Castelo Branco, Lisboa, Santarém, Portalegre e Setúbal estão sob aviso amarelo até às 18:00 de quarta-feira.


O grupo central dos Açores (Graciosa, S. Jorge, Faial, Pico e Terceira) vai estar sob aviso amarelo devido à chuva entre as 09:00 e as 21:00 de hoje e o ocidental (Flores e Corvo) até às 12:00 de hoje também por causa da precipitação por vezes forte.


O aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.


Na origem da emissão destes avisos estão, segundo o IPMA, “as linhas de instabilidade” associadas ao ciclone extratropical Danielle, que vão originar precipitação por vezes forte e acompanhada de trovoada e rajadas fortes de vento, no litoral oeste, evoluindo gradualmente para leste.


Este cenário de precipitação deverá manter-se ao longo da semana, embora com menores quantidades de precipitação acumulada a partir de quarta-feira.


O Minho

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________