Simulacro de atropelamento de peregrinos “choca” automobilistas na Póvoa de Lanhoso - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

sábado, 6 de agosto de 2022

Simulacro de atropelamento de peregrinos “choca” automobilistas na Póvoa de Lanhoso

 


Um simulacro estático de atropelamento de três peregrinos, a caminho de São Bento da Porta Aberta (Sãobentinho), teve durante a noite desta sexta-feira um grande impacto, junto dos automobilistas, na Póvoa de Lanhoso, atingindo o objetivo do Município da Póvoa de Lanhoso, da sua Proteção Civil Municipal, dos Bombeiros e da Guarda Nacional Republicana.


Os condutores e passageiros que circulavam pela Estrada Regional 310, que liga Póvoa de Lanhoso a Caldas das Taipas, inicialmente foram surpreendidos pelo cenário tétrico e ensanguentado de três alegados peregrinos, porque estavam neste “teatro de operações” muitos meios, humanos, materiais e de viaturas, das forças de socorro e salvamento e de segurança.


A ação de sensibilização intitulada “Peregrino Seguro”, traduziu-se num simulacro estático muito pouco comum, ainda para mais à noite, com as luzes das ambulâncias dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso e dos carros-patrulha da GNR, “resultando mesmo”, como se congratulou a O MINHO o vereador da Proteção Civil da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Ricardo Alves, acompanhado pelo coordenador concelhio da Proteção Civil, Pedro Dias.


“O nosso objetivo foi plenamente atingido, era o de consciencializar os automobilistas e os peregrinos em romagem até ao São Bento da Porta Aberta para os perigos de circularem pela faixa de rodagem”, segundo afirmou a O MINHO o autarca da Póvoa de Lanhoso, ainda no local do “triplo atropelamento”, na Estrada Regional 310, à entrada sul da vila, junto da antiga residência universitária.


Nesta ação de sensibilização participou também a Irmandade de São Bento da Porta Aberta e os Escuteiros da Póvoa de Lanhoso, sendo que o impacto foi reforçado pela necessidade da interrupção parcial do trânsito, na faixa de rodagem, no sentido de Caldas das Taipas para a Póvoa de Lanhoso, na chegada à vila sede de concelho, sofrendo um pequeno desvio.


O Minho

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________