Bombeiros Vila Rei têm em Funcionamento Duas Equipas de Intervenção Permanente - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

terça-feira, 11 de janeiro de 2022

Bombeiros Vila Rei têm em Funcionamento Duas Equipas de Intervenção Permanente

 


A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila de Rei, no distrito de Castelo Branco, já tem em pleno funcionamento duas equipas de intervenção permanente (EIP).


Numa nota publicada na página da Internet, a Câmara de Vila de Rei refere que vai suportar metade das despesas com remunerações e contribuições para a Segurança Social dos elementos de ambas as EIP, com a outra metade a ser da responsabilidade da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC).


Citado no documento, o presidente do município vilarregense, Ricardo Aires, sublinha que a entrada em funcionamento de uma nova EIP “vem aumentar a capacidade de resposta na prestação de todos os cuidados que os bombeiros prestam à população, sendo esta uma ótima notícia para no nosso concelho”.


As EIP asseguram o socorro e a emergência na área do respetivo concelho, e os bombeiros que as integram são caracterizados por elevada especialização, com conhecimento em valências diferenciadas, que lhes permitem dar resposta adequada nas diferentes missões.


O autarca adianta ainda que este “é mais um reforço na profissionalização dos bombeiros de Vila de Rei, com melhorias para os bombeiros e para a população, permitindo uma resposta mais célere e eficiente para possíveis incêndios urbanos e rurais, bem como para todos os serviços que a corporação de bombeiros presta aos vilarregenses”.

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________