Um Morto e Cinco Feridos Graves no Despiste de Jipe em Safari na Serra Algarvia - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

sábado, 30 de outubro de 2021

Um Morto e Cinco Feridos Graves no Despiste de Jipe em Safari na Serra Algarvia

 


Uma mulher de nacionalidade francesa morreu esta sexta-feira após o despiste de um jipe na serra algarvia, em Alte, que causou ainda cinco feridos graves, três dos quais crianças, e dois feridos ligeiros, disse à Lusa fonte da Proteção Civil.


Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro, a vítima mortal do despiste do jipe de uma empresa turística que fazia um safari na serra algarvia tem "idade aparente de 30 anos, sexo feminino e nacionalidade francesa".


"Os feridos graves são todos de nacionalidade estrangeira", referiu a mesma fonte, indicando que entre eles estão uma rapariga de 15 anos de nacionalidade alemã, um rapaz de 15 anos de nacionalidade francesa e um menino de 10 anos de nacionalidade holandesa.


As outras duas vítimas que sofreram ferimentos graves são um homem de 41 anos de nacionalidade francesa e uma mulher de 46 anos de nacionalidade holandesa, precisou o CDOS de Faro.


"A única vítima de nacionalidade portuguesa é o motorista do veículo", adiantou a Proteção Civil, acrescentando que sofreu ferimentos ligeiros, assim como outro homem de 48 anos de nacionalidade holandesa.


No total, o acidente causou oito vítimas, das quais uma mortal, cinco feridos graves e dois feridos ligeiros, de acordo com informação do CDOS de Faro.


Os feridos estão a ser transportados para o Hospital de Faro e para o Hospital de Portimão, do Centro Hospitalar Universitário do Algarve, informou a mesma fonte.


Segundo o CDOS de Faro, o despiste ocorreu numa zona de difícil acesso e as vítimas tiveram de ser retiradas do local pelas equipas de socorro a pé.


"É uma zona de difícil acesso e a nível operacional não é fácil. As vítimas têm de ser transportadas a pé lá de baixo, vai ser uma operação demorada", disse a mesma fonte pelas 18:30, acrescentando que está no local um helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).


O acidente ocorreu às 17.22 na localidade de Macheira, em Alte, Loulé, no distrito de Faro.


No local estavam às 20.20 um total de 59 operacionais, apoiados por 24 veículos e um meio aéreo, segundo a página de internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.


Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________