Domingos Ferreira Toma Posse como Comandante nos Bombeiros de Amares - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

sexta-feira, 2 de julho de 2021

Domingos Ferreira Toma Posse como Comandante nos Bombeiros de Amares

 


Domingos Ferreira, adjunto de comando nos Bombeiros de Amares desde 2003, vai ser empossado como comandante da corporação no próximo dia 10 de julho, numa cerimónia oficial que servirá para nomear também um segundo comandante e um novo adjunto.


Em declarações a O MINHO, o novo (e ao mesmo tempo velho) timoneiro – pois já era o responsável de comando no terreno desde 2006 – admite “orgulho” por “subir a comandante”, mas afirma que “o empenho e a dedicação são iguais”.


“Claro que tenho orgulho, mas a mais valia também é termos agora um quadro de comando, de forma a colmatar alguma situação de minha ausência, porque só assim é que um corpo de bombeiros desenvolve”, assinala.


Refletindo sobre o percurso de quase 20 anos no comando da corporação, sem nunca ter sido nomeado comandante, Domingos explica que foi um “deixa andar”. “Mas hoje, parando para refletir, não me arrependo de nada. Mas sei o que custou. Foi violento, por vezes ingrato, e eu fui mal visto. Mas caminhei com esta boa gente do corpo ativo, e desde aquela data até à data de hoje, nunca me abandonaram”, concluiu.


Com 68 bombeiros no quadro ativo e outros 22 em fase de formação, Domingos Ferreira crê que a corporação está agora a “navegar muito bem”, mas não está satisfeito em termos de operacionalidade, clamando pela falta de uma nova Equipa de Intervenção Permanente, sobretudo para agilizar tempos de socorro.


“A EIP é uma ansiedade que tinha em cima da mesa, já debatida com estes elementos de comando”, contextualiza o comandante, explicando que foram assinados documentos entre a Câmara de Amares e a direção da associação de bombeiros para assegurar essa segunda equipa de bombeiros profissionais.


Domingos Ferreira não esconde que o anúncio de uma nova EIP seria a “cereja no topo do bolo” no dia em que será empossado, mas não quer alimentar expectativas, pois pode não se concretizar.


A importância da nova equipa acabaria por beneficiar também os concelhos de Braga e Vila Verde, onde a corporação amarense realiza diversos serviços de emergência, para além de também se deslocar para zonas do Parque Nacional da Peneda-Gerês e da Abadia.


A cerimónia de tomada de posse de Domingos Ferreira, Miguel Pereira e Rita Costeira, como comandante, segundo comandante e adjunto de comando, realiza-se no exterior do quartel dos bombeiros de Amares, a partir das 15:00 horas, seguindo as recomendações da Direção-Geral da Saúde face à atual pandemia.


Fonte: O Minho

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________