Arruda dos Vinhos: Quartel Vai Ter Seção Destacada - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

quarta-feira, 30 de junho de 2021

Arruda dos Vinhos: Quartel Vai Ter Seção Destacada

 


A Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Arruda dos Vinhos assinalou o 132.º aniversário, no dia 10 de junho, com um programa formatado às regras de segurança impostas pela Direção-Geral da Saúde (DGS), mas ainda assim pleno de significado, honrando a memória e o projeto dos fundadores que colocaram mãos à obra para preencher “uma lacuna até então existente na sua terra”.


Este foi “um dia festivo” que permitiu às mulheres e aos homens, bombeiros com e sem farda exibirem o orgulho de quem segue o lema “vida por vida”. As celebrações tiveram início com o tradicional hastear das bandeiras, seguida da deposição de uma coroa de flores no monumento dedicado aos combatentes da Grande Guerra e a sentida romagem de saudade ao cemitério em tributo aos que “já não estando entre nós, foram e continuam a ser um exemplo para esta causa”. Seguiu-se um desfile dos veículos pelas ruas de Arruda, com paragem nos paços do concelho para apresentação de cumprimentos ao executivo camarário.


Na sessão solene, presidida pela secretária de Estado da Administração Interna, Patrícia Gaspar, marcaram presença, entre outras individualidades, Jaime Marta Soares, presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP), o edil arrudense, André Rijo e o presidente da Federação de Bombeiros do Distrito Lisboa, António Carvalho.


As várias intervenções ficaram marcadas pelo unanime “agradecimento aos bombeiros pela sua nobre missão que cumprem, sempre prontos e na linha da frente para ajudar e socorrer o próximo”. Ainda assim, não foram esquecidas “as dificuldades” sentidas pelo setor, quer as de índole financeira quer, ainda. as relacionadas com a crescente falta de voluntários. Consensual parece ser que o futuro trará grandes mudanças que implicam “uma grande capacidade de adaptação aos novos tempos”.


Após a sessão solene, os convidados foram chamados a conhecer o espaço do futuro museu que receberá o nome do chefe Augusto Carvalho Pinheiro, bombeiro a quem a “esta casa muito deve por anos de dedicação e altruísmo”, conforme sublinha fonte da centenária instituição. Seguiu-se a colocação das fotografias dos antigos presidentes de direção, José Seixas e Armando Marques, no salão nobre da associação.


O dia encerrou com a visita ao local onde nascerá seção destacada de Nossa Senhora da Ajuda, que servirá as freguesias de Arranhó e S. Tiago dos Velhos, um projeto a merecer elogios de Patrícia Gaspar que se terá comprometido com apoio do Governo na concretização da empreitada.

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________