Infarmed atualiza recomendações para vacinados com AstraZeneca. Veja os sintomas a que deve estar atento - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 8 de abril de 2021

Infarmed atualiza recomendações para vacinados com AstraZeneca. Veja os sintomas a que deve estar atento

 


O Infarmed atualizou esta quarta-feira as recomendações para as pessoas vacinadas com o fármaco da AstraZeneca, após a conferência de imprensa da EMA.


Foi efetuada a revisão detalhada de 62 casos de trombose dos seios venosos cerebrais e 24 casos de trombose venosa esplâncnica, 18 dos quais fatais, ocorridos no Espaço Económico Europeu (EEE) e do Reino Unido, até 22 de março de 2021. Até esta data, tinham sido vacinadas cerca de 25 milhões de pessoas.


Recomendações para o público em geral:

Embora a possibilidade de aparecimento destes tipos de coágulos seja muito baixa, as pessoas vacinadas devem procurar imediatamente assistência médica, caso detetem, principalmente nas duas semanas após a inoculação da vacina, algum dos seguintes sintomas:


-Falta de ar;


-Dor no peito;


-Inchaço nas pernas;


-Dor abdominal persistente;


-Sintomas neurológicos, como dores de cabeça intensas e persistentes ou visão turva;


-Pequenas manchas de sangue sob a pele, em locais distintos do local da injeção.


 Recomendações para os profissionais de saúde:


Os profissionais de saúde devem alertar as pessoas vacinadas para procurar assistência médica caso desenvolvam:


- Sintomas da presença associados a coágulos sanguíneos, nomeadamente, falta de ar, dor no peito, inchaço nas pernas, dor abdominal persistente;


- Sintomas neurológicos, tais como dores de cabeça intensas e persistentes e visão turva;


- Petéquias em locais distintos do local da inoculação após alguns dias.


Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________