Cinco Feridos, Um deles Grave, em Incêndio no Concelho de Aljustrel - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sábado, 4 de julho de 2020

Cinco Feridos, Um deles Grave, em Incêndio no Concelho de Aljustrel


Um homem de 60 anos foi transportado para o Hospital de São José, em Lisboa, com queimaduras nos braços, na sequência de um incêndio rural que deflagrou em Rio de Moinhos, no concelho de Aljustrel.

Quatro bombeiros, dois do Corpo de Ferreira do Alentejo e dois de Aljustrel, sofreram ferimentos ligeiros. Os dois operacionais de Ferreira do Alentejo foram transportados para o Serviço de Urgência Básica (SUB) de Castro Verde, onde foram assistidos.

O ferido grave conduzia um veículo ligeiro de mercadorias, propriedade de uma empresa de materiais de construção localizada em Montes Velhos, a cerca de dez quilómetros de Rio de Moinhos, quando circulava na Estrada Municipal 530, tendo a viatura sido consumida pelas chamas.

O incêndio deflagrou junto ao cemitério de Rio de Moinhos por volta das 17 horas e foi dado como dominado duas horas depois. Ao que o JN apurou, o fogo deflagrou quando uma fagulha saltou de uma ceifeira, que procedia à ceifa de trigo.

As chamas alastraram às bermas da A2, que liga o Algarve a Lisboa, não tendo o trânsito sido interrompido no sentido sul/norte. O fogo colocou ainda em perigo algumas viaturas e habitações da localidade.

No combate às chamas estiveram cerca de uma centena de operacionais, apoiados por 27 viaturas de 11 corporações de bombeiros (Aljustrel, Almodôvar, Alvalade de Sado, Alvito, Beja, Castro Verde, Cuba, Ferreira do Alentejo, Odemira, Ourique e Vidigueira) e por três meios aéreos (um helicóptero e dois aviões Canadair) e militares do Destacamento Territorial de Aljustrel da GNR.

Fonte: JN

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________