"Um Fogo Conseguimos Ver, este Inimigo é Invisível" - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 10 de junho de 2020

"Um Fogo Conseguimos Ver, este Inimigo é Invisível"


"Foram três meses sem ir a casa para proteger a família. Eu e os 63 elementos que comando. E foi preciso gerir as emoções dos nossos profissionais pois nesta situação todos ficam mais sensíveis", destaca o comandante dos Bombeiros Voluntários da Ajuda, a corporação de Lisboa que esteve "em todas as operações complexas" que se registaram na capital durante o confinamento.

Aos 43 anos, 25 deles com a farda vestida, o comandante Fernando Azevedo, diz que "as pessoas não sabem a sensação de medo que um bombeiro tem ao colocar aqueles fatos". "Um fogo nós conseguimos ver, mas este é um inimigo invisível. Tivemos alguns sustos, quarentenas... Na maior parte dos dias nem dava tempo para pensar, houve muitas ocorrências e chegávamos ao fim do dia estoirados."

Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________