Alerta Laranja para Lisboa, Porto e Aveiro era "Absolutamente Essencial" - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 26 de março de 2020

Alerta Laranja para Lisboa, Porto e Aveiro era "Absolutamente Essencial"


A secretária de Estado da Administração Interna, Patrícia Gaspar, esteve em direto na TVI24, na manhã desta quinta-feira, onde deu conta de que o Alerta Laranja emitido para os distritos de Lisboa, Porto e Aveiro, na noite desta quarta-feira, era fundamental.

"Era absolutamente essencial. Para já, trata-se de um pressuposto legal, que está previsto na legislação, e depois nós temos cerca de seis dezenas de planos municipais de emergência e cerca de 10 planos distritais ativados, portanto, nós temos o sistema a trabalhar na sua plenitude e, obviamente, numa situação deste género, o 'topo deste chapéu', que é ao nível nacional, tinha também que se ajustar e fazer esta ativação para garantir de facto que o sistema funciona na sua plenitude", disse Patrícia Gaspar.

A secretária de Estado da Administração Interna esclareceu ainda que o plano prevê "toda uma série de possibilidades" que estão a ser ativadas de forma faseada. "O plano prevê, por exemplo, a ativação de planos de postos de comando operacionais, neste momento é uma situação que não é necessária, caso seja, será ativada. As principais ferramentas são que as Comissões municipais, as Comissões distritais e a Comissão nacional de Proteção Civil funcionem em paralelo e facilitar as requisições e o acesso  a bens e recursos que estejam já identificados. Há efetivamente uma série de mecanismos que começam a estar disponíveis de uma forma mais estruturada", explicou.

Patrícia Gaspar assume ainda que com a evolução da pandemia, que a Proteção Civil está a monitorizar junto com as autoridades de saúde, é necessário estar regularmente a "adequar os procedimentos internos".

Fonte: Noticias ao Minuto

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________