Mas Afinal, que Comandantes são Esses? - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 9 de janeiro de 2020

Mas Afinal, que Comandantes são Esses?


Altruísmo, abnegação, coragem, determinação, espírito de sacrifício, palavras que me foram dadas a conhecer e a sentir ao longo dos anos que tenho de bombeiro, pelos variados comandantes que fui tendo.

Comandantes entram e saem, direcções entram e saem, e os bombeiros, os verdadeiros bombeiros, esses mantêm-se ao longo dos anos, sempre com a mesma convicção, sempre com a mesma determinação, sempre com a mesma coragem.

Perante isto, deixo uma pergunta no ar:

"Mas afinal, que comandantes são esses que apregoam aos sete ventos todos estes adjectivos quando não dão o exemplo"?

Há e tal temos de ser duros, há e tal temos de dar o exemplo da grande força que somos, há e tal têm de cumprir com as vossas obrigações enquanto voluntário.

Fod@-se, nós sabemos de tudo isso e cumprimos com as nossas obrigações, pois se assim não for acabamos em incumprimento e acabamos por cair ao Quadro de Reserva.

Mas afinal, se quem devia dar o exemplo não faz, com que direito podem exigir aos seus homens e mulheres para o fazer???

Mas afinal que comandantes são esses, que ao menor problema com as suas direcções, "abandonam o barco" como ratos a fugir da água?

Mas afinal onde está todo o altruísmo, abnegação, dedicação, coragem, que tanto apregoavam como verdadeiras testemunhas de Geóva? 

Pois, parece-me que é tudo muito bonito enquanto as coisas correm favoravelmente, porque conforme se tem visto um pouco por todo o lado, existem comandantes e comandantes...

Existem comandantes humildes que com a sua entrega e dedicação, conseguem articular-se com as suas direcções, mesmo que, muitas das vezes não tenham as mesmas visões conseguem entendimento mutuo em prol dos homens e mulheres dos seus Corpos de Bombeiros.

E depois existem aqueles comandantes do "quero, posso e mando", até que um dia chega alguém e mostra-lhes que as coisas não são bem assim.

Meus caros amigos, sei que grande parte de vocês me irá criticar por este artigo, mas sinceramente, quero lá saber.

Temos de nos mentalizar de uma coisa, por muito que custe a muita gente, numa Associação de Bombeiros, quem manda são as direcções, e cabe aos seus presidentes e seus comandantes, chegar a um entendimento saudável para que o seu Corpo de Bombeiros funcione o melhor possível.

Infelizmente, o mal de muitos comandantes, é quererem assumir as funções que são das direcções, assim como muitos presidentes quererem assumir funções que são dos comandantes.

Meus amigos, cada macaco no seu galho, que todos saibam ocupar os seu lugares, que todos saibam que os bombeiros são das maiores forças no nosso país, que se saiba ser, estar, e acima de tudo, que se saiba valorizar os homens e mulheres de cada corpo de bombeiros.

Mas voltando ao tema principal, não consigo entender esses comandantes que apregoam com todas as suas forças, que devemos ser isto, ser aquilo, fazer isto, fazer aquilo, quando no fundo, não são exemplo para nada nem para ninguém.

Conheço muitos comandantes por esse corpos de bombeiros fora, homens e mulheres dignos dos galões que carregam ao peito, e quando digo dignos, digo-o com todo o orgulho do mundo, pois souberam dar a volta a situações muito complicadas, souberam entender-se com quem deviam, souberam valorizar os homens e mulheres que lideram, e reparem na diferença, "homens e mulheres que lideram" e não homens e mulheres que comandam.

Um bom comandante deve ser um verdadeiro Líder de homens e mulheres, deve ser aquele que todos seguem, o líder é quem guia, quem dá a cara nos momentos mais difíceis, é quem vai na frente, quem inspira, quem dá confiança… São muitas as definições de líder, mas para mim a melhor é: O Líder é quem serve, o Líder é quem dá o exemplo.

O líder é quem alinha o grupo em torno de uma visão, mostrando o caminho a ser percorrido e garantindo que todos chegam lá.

O líder é responsável por acompanhar e cobrar as actividades de cada um. Assim, ele deve fornecer quaisquer ferramentas e/ou orientações para que todos façam a sua parte da melhor forma.

O líder é como um ídolo, transparecendo confiança, direcção, pulso firme, honestidade e que sabe como e o que fazer.

Um Líder tem de ser um exemplo pois se ele abranda, os seus homens param; se ele cede, os seus homens recuam; se ele se senta, os seus homens deitam-se; se ele duvida, os seus homens desesperam... mas se ele avançar, os seus homens seguem-no; e se ele der a mão, os seus homens darão a pele.

Um líder não abandona os seus homens e mulheres à mais pequena dificuldade, não faz "birras" quando as coisas não correm à sua maneira, mas tenta sim resolver o problema de outra forma, e muito menos abandona todos os valores que um dia apregoou a homens e mulheres que comandou.

Para estes só existe uma saída, e vocês sabem qual é...

"Afinal, que comandantes são esses"?

Comandantes da treta, é o que são...

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________