Bebé morre fechada numa mochila no porta-bagagens de um carro - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 9 de janeiro de 2020

Bebé morre fechada numa mochila no porta-bagagens de um carro


Criança de 10 meses foi deixada várias horas no veículo.

Um norte-americano da cidade de Lubbock, no Texas, foi acusado do homicídio da filha bebé da namorada, depois de a ter colocado numa mochila e deixado no porta-bagagens do seu carro durante mais de cinco horas.

O homem, que não é o pai biológico da menina de 10 meses, transportou-a até ao local de trabalho na terça-feira e, à chegada, colocou-a dentro de uma mochila no banco do pendura.

Algumas horas mais tarde regressou ao carro para verificar como estava a criança, encontrando-a fora da mochila. O norte-americano de 27 anos voltou a fechar a criança dentro da mala e decidiu continuar a fazer visitas ao carro periodicamente.

Por volta da hora do almoço encontrou a bebé a chorar. Fechou novamente a mochila e foi almoçar. Foi depois de regressar do almoço que decidiu colocar a filha da namorada – ainda dentro da mochila – na bagageira do veículo, onde ficou durante mais de cinco horas.

A última vez que o homem voltou ao carro para verificar a menina, cerca das 17:00 (hora local), esta já não respirava. A polícia diz que o indivíduo ainda conduziu algum tempo antes de parar o carro e telefonar ao 911 (equivalente ao 112).

Os media norte-americanos informaram que o óbito da criança de 10 meses foi declarado à chegada ao hospital. Às autoridades, o homem confessou que tinha deixado a bebé numa mochila no carro, tendo sido imediatamente detido.

De acordo com documentos judiciais, Trever Rowe já tinha sido detido em 2018 por ter deixado dois filhos sozinhos em casa, mas nunca chegou a ser acusado formalmente.

Fonte: SIC Noticias 

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________