Pedrógão Grande apoia bombeiros com bolsas de estudo, pagamento de propinas e isenção de IMI - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Pedrógão Grande apoia bombeiros com bolsas de estudo, pagamento de propinas e isenção de IMI


O município de Pedrógão Grande criou 17 medidas de apoio aos bombeiros voluntários locais, que incluem refeições escolares, bolsas de estudo, pagamento de propinas, isenção de IMI e despesas com o lar da Misericórdia, foi esta quinta-feira anunciado.

As medidas distribuem-se por diversas áreas, como habitação, educação, justiça, desporto, cultura e lazer, e constam de um regulamento aprovado por unanimidade na Assembleia Municipal.

"O objetivo é estimular e reconhecer todos os que se colocam ao serviço da população, contribuindo, com isso, para o aumento do número de bombeiros no imediato e também no futuro", salienta um comunicado da autarquia do distrito de Leiria enviado à agência Lusa.

Citado na nota, o presidente da Câmara de Pedrógão Grande considera que estes apoios são um dever para "honrar, respeitar e estar gratos a estes homens e mulheres que se colocam em situações limite e em risco de vida".

"Estas medidas são um reconhecimento e a demonstração de respeito, mas também um mecanismo de apoio à sustentabilidade do corpo de bombeiros, pois o número de efetivos tem vindo a descer ao longo dos anos", adianta.

As iniciativas aprovadas contemplam bombeiros de todas as idades e com diferentes tempos de serviço.

"Com esta demonstração de respeito e, acima de tudo, gratidão, a Câmara Municipal de Pedrógão Grande visa criar condições para o reforço e continuidade do atual efetivo de bombeiros voluntários", frisa o autarca Valdemar Alves, eleito pelo PS.

No setor da habitação, os bombeiros voluntários passam a ter apoio no arrendamento urbano, que poderá ir até 300 euros/ano, na recuperação e beneficiação de habitações, redução na taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) que poderá ir aos 100%, comparticipação das taxas ADENE (Agência de Energia), isenção de taxas administrativas, redução nas tarifas do abastecimento de água, saneamento e resíduos sólidos, e redução de 50% na taxa de recolha de resíduos sólidos urbanos.

Na área social, o município isenta os "soldados da paz" de pagamento das refeições servidas nas escolas da rede pública, atribui bolsas de estudo, apoia no pagamento de propinas no ensino superior e na mensalidade a familiar residente no lar da Santa Casa da Misericórdia de Pedrógão Grande.

Os bombeiros podem ainda aceder gratuitamente aos complexos e equipamentos desportivos, e a espetáculos culturais promovidos pela câmara.

De acordo com o regulamento, têm ainda direito a seguros pessoais e apoio jurídico em situações ocorridas em serviço.

Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________