Pedrógão 2017... - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 26 de junho de 2019

Pedrógão 2017...


Ao contrário do que se tinha passado nos anos anteriores a critica estava apontada a outras entidades.
Os órgãos de comunicação social, a classe política as populações e até mesmo os Bombeiros de todo país elogiavam os Bombeiros pela força e pelo empenho dia e noite, o que já diz o velho ditado, pelo qual me vou seguindo " Quando a esmola e muita o pobre desconfia", hoje passado dois anos cá está aquilo que desconfiava...

Um dos nossos sentado no banco dos réus culpado pelo que todos nós sabemos que a qualquer um pode acontecer amanha face aos perigos eminentes do dia a dia a evolução que aparentemente os decisores se recusam a reconhecer ou até quem sabe aceitar. Pois bem, o mundo está em constante evolução, já os Bombeiros de Portugal, em constante estagnação.

Certamente que nem tudo pode ter sido feito by the book mas quem não sabe fica a saber que no combate a um incêndio as decisões são tomadas um pouco em cima do joelho pois perder tempo a pensar a repensar o que fazer o incêndio não para... Logo a experiência é fundamental. Experiência e conhecimento.

Os fabricadores de opinião querem comparar combate incêndios com combate numa guerra, o que é totalmente errado na guerra tudo e planeado analisado inclusive o dia do início e as previsões para o fim, o tipo de inimigos e perigos, no combate incêndios rurais (florestais) não sabemos o início não sabemos o fim não sabem os inimigos e perigos que temos pela frente... O Inimigo é volátil e imprevisível uma força da Natureza.

Fico muito feliz pelos restantes elementos dos quais até sou amigo terem provado sua inocência e terem sido afastados de acusações, mas lamento muito mesmo ver um homem (Comandante) das nossas fileiras estar perante julgamento o qual poderá infernizar-lhe a vida.... Seja como for, também defendo que até prova em contrário é sempre inocente.

Por outro lado, e todos sabemos que há alegadamente muitas ilegalidades, e que não poderemos ser permissivos, espera-se porém que seja entendido que daqui em diante as falhas e eventuais falhas, serão alvo de processos em tribunal. A verdade é que é preciso responsabilizar, só assim se abrem outros caminhos, o caminho da evolução.

Espero eu!
Que já não uso galões mas não perdi a nossa da realidade que seus camaradas venham envergar a força da união com este camarada e que não seja só com chamadas de apoios, e façam um apoio efetivo.

Se em Novembro tiveram a coragem de se juntar e vir para a rua fase a uma lei orgânica que nada tinha em prejuízo aos Bombeiros veremos se agora a união com este Comandante vai estar presente... Claro está que de forma educada e ordeira, não podemos nem devemos “embandeirar em arco”.

Poderia escrever muito, mas mesmo muito....

Mas pelo que aqui escrevi veremos se a união existe o não!

A hora de mudar é agora caso contrário só prova aquilo que ainda não quero acreditar, mas que muitos afirmam ser a verdade...

Que a cobardia... Ou não! 
O jogo de interesses...
O cinismo...
A falsidade está integrada na força dos Bombeiros Portugueses e que será ela que nos últimos anos nos tem descredibilizado dia após dia....

Ganhem coragem!
Ou
Ganhem vergonha na cara e entreguem galões…. Sim, dado que muitos já os deviam ter perdido e outros nunca os ter tido.

Afinal o Comandante Arnaut e um dos nossos e mais de nunca precisa do nosso apoio...

Escrevi, 
Nuno Barros.

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________