Bombeiro Gravemente Ferido no Incêndio de Notre Dame em Paris - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

segunda-feira, 15 de abril de 2019

Bombeiro Gravemente Ferido no Incêndio de Notre Dame em Paris


Um violento incêndio está a consumir a catedral de Notre-Dame em Paris, França, esta segunda-feira. De acordo com os bombeiros da capital francesa, a situação poderá estar "potencialmente ligada" aos trabalhos de reabilitação do edifício.  

De acordo com fonte dos bombeiros parisienses à Reuters, um bombeiro terá ficado ferido com gravidade durante o combate às chamas no edifício. Laurent Nunez, o secretário de Estado do Interior francês, indicou que a "estrutura da catedral está salva na sua integridade". 

Em conferência de imprensa, o oficial do Governo referiu ainda que a intensidade do fogo diminui. A estrutura da catedral está se encontra "a salvo", segundo os bombeiros franceses. O pináculo emblemático do monumento caiu em consequência do incêndio. Também o teto "colapsou totalmente", segundo avança a agência Reuters.

O incêndio atinge a torre mais alta da catedral, o monumento histórico mais visitado da Europa. Para já não há registo de vítimas. Muitas imagens e vídeos de uma nuvem de fumo foram publicadas nas redes sociais. Segundo os bombeiros citados pela comunicação social local, o incêndio ocorreu no sótão da catedral.

Uma grande operação de combate ao fogo encontra-se em curso. De acordo com o porta-voz da catedral Notre-Dame, o alerta de incêndio foi ativado por volta das 17h50 locais, 16h50 em Lisboa. A catedral, que remonta ao século XII e é famosa pelo romance clássico de Victor Hugo, O Corcunda de Notre-Dame, atrai milhões de turistas todos os anos. O monumento estava a ser sujeito a obras, com algumas seções com andaimes. As estátuas de bronze foram removidas na semana passada para obras. 

Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________