Bombeira Vítima de Agressões de Companheiro - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

segunda-feira, 11 de março de 2019

Bombeira Vítima de Agressões de Companheiro


A vítima, bombeira voluntária numa corporação de Aveiro, vivia aterrorizada. Havia discussões frequentes e era humilhada pelo companheiro em frente aos dois filhos menores - um deles fruto do relacionamento com o arguido, que trabalha como homem-estátua nas ruas da cidade. 

Num dos casos, o homem, de 42 anos, chegou a ameaçar de morte a enteada com uma faca de cozinha apontada ao peito, por não haver queijo no frigorífico. O homem foi recentemente condenado, em Aveiro, a dois anos e meio de prisão, pena suspensa, por violência doméstica à mulher e maus-tratos à enteada. 

Tem ainda de pagar às duas vítimas uma indemnização de 1750 € e fica obrigado a submeter-se a uma consulta de psiquiatria e a fazer o respetivo tratamento. O casal vivia em união de facto desde 2007. A mulher era constantemente ameaçada: "Só estás bem nos bombeiros, em casa estás sempre trombuda. Só te queres deitar com todos. Um dia apareces morta." A 1 de junho de 2018, por exemplo, o homem-estátua discutiu com a filha da companheira. 

"És como a tua mãe. Eu mato-te. Vocês são a minha ruína", gritou o arguido, enquanto se dirigia com uma faca à menor, de 16 anos. Foi agarrado pela mulher e pelo filho, de 10. O menino caiu e embateu contra um fogão, tendo sofrido lesões no tórax. 

Refere o processo que o arguido tem uma doença mental, mas na altura não tomava a medicação. "Tem irritabilidade fácil e muita agressividade verbal", indica o acórdão.

Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________