Guimarães Recebe Exercício para Resposta em Situação de Catástrofe Internacional - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

terça-feira, 5 de fevereiro de 2019

Guimarães Recebe Exercício para Resposta em Situação de Catástrofe Internacional


Bombeiros das Taipas promovem esta formação destinada a todos agentes de proteção civil e a quem desempenha funções de proteção e socorro às populações. Inscrições abertas.

Medical Response to Major Incidents (MRMI) é a designação da formação internacional, pós-graduada, diferenciada na área da emergência e catástrofe, certificada por entidades internacionais como ESTES (European Society for Trauma and Emergency Sugery) e Board Europeu do MRMI, que vai decorrer nos dias 22, 23 e 24 de março nas instalações dos Bombeiros Voluntários de Caldas das Taipas. Nesta ação, será efetuado um teste, tendo como pano de fundo para o cenário de simulação o Estádio D. Afonso Henriques, que receberá jogos da Final Four da Liga das Nações, agendados para 5 e 9 de junho.

Este treino é ministrado em Portugal pela equipa de formadores do Madeira Internacional Disaster Training Center (MIDTC), e é considerado uma das melhores formações para resposta à emergência em situações de catástrofe a nível internacional, destinado a todos os agentes de Proteção Civil, Bombeiros, Polícias, GNR, Exército, Marinha, Força Aérea, Enfermeiros, Médicos, Psicólogos e todos quantos desempenham funções de proteção e socorro às populações.

A formação é baseada num modelo de simulação avançada, treinando toda a cadeia de comando, cenário do acidente, transportes, pré-hospitalar, gestão de hospitais face a cenários de multivítimas, triagem, corredores de evacuação e estrutura da comunidade que possa utilizar na resposta a um incidente multivítimas, ou seja, numa catástrofe. Esta edição contará com o Apoio e Colaboração da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC)

A organização está a cargo da Associação humanitária dos Bombeiros Voluntários de Caldas das Taipas, com o apoio do Município de Guimarães, e o diretor de curso é o médico Filipe Serralva, diretor do Serviço de Urgência do Hospital Nossa Senhora da Oliveira. As inscrições devem ser feitas através do site www.bvtaipas.com.

Este tipo de exercícios teve origem na Suécia em 2009, sob a responsabilidade do Prof. Sten Lennquist e, desde então, vários países o têm adotado, dada a facilidade com que a resposta à catástrofe se encaixa no modelo MACSIM, que suporta a formação. Desde então, realizaram-se várias formações por toda a Europa, como Portugal, Suécia, Croácia, Eslovénia, Itália, Holanda e Dinamarca, com reconhecido sucesso.

Em Portugal, o grupo de instrutores MRMI foi já responsável pela formação de muitos profissionais de várias áreas em diversas cidades do país, como Funchal, Angra do Heroísmo, Cascais, Lisboa, Coimbra, Oliveira de Azeméis e Aveiro.

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________