Parlamento vai ouvir Proteção Civil e Everjets por causa dos Kamov - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 2 de maio de 2018

Parlamento vai ouvir Proteção Civil e Everjets por causa dos Kamov


O Parlamento vai ouvir a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) e a empresa Everjets sobre a denúncia do contrato de manutenção dos helicópteros pesados Kamov, de combate aos incêndios, decidiu hoje a comissão de Assuntos Constitucionais.

O pedido foi aprovado por unanimidade na Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, a pedido do PSD.

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) tem uma reunião marcada para quinta-feira, na comissão, esta a pedido do PCP, sobre a preparação da época de fogos, devendo os deputados aproveitar para questionar o presidente daquela entidade, general Mourato Nunes, sobre a manutenção dos Kamov.

O PSD classificou de preocupantes as notícias que dão conta de que as aeronaves estão "totalmente inoperacionais" e só podem "voltar a voar após a manutenção geral obrigatória".

Essa manutenção não está a ser feita "devido a conflitos entre as empresas" subcontratadas pelo Estado, segundo os sociais-democratas, o que levou o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, a dizer que o Estado vai denunciar o contrato com a Everjets.

Mais tarde, a Everjets informou que tinha sido a própria empresa a denunciar o contrato, o que levou o deputado Carlos Peixoto a apontar este caso como "uma balbúrdia".

Face a "esta caricata declaração e a balbúrdia" gerada numa altura em que está quase a começar a "época mais crítica dos incêndios", a bancada do PSD considera urgente "apurar todos os factos relacionados com a operacionalidade" dos helicópteros.

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, tem prevista para 08 de maio uma audição regimental na comissão em que deverá abordar, entre outros assuntos, o Relatório Anual de Segurança Interna de 2017.

Fonte: Noticias ao Minuto

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________