Um morto e cinco crianças feridas em explosão de pirotecnia em Penacova - VIDA DE BOMBEIRO

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 4 de abril de 2018

Um morto e cinco crianças feridas em explosão de pirotecnia em Penacova


Uma pessoa morreu e 24 sofreram ferimentos, na sequência de uma explosão, esta quarta-feira, em Gondelim, Penacova.

A explosão aconteceu por volta das 12.30 horas, próximo da capela, no início das festas da localidade. Segundo o que o JN conseguiu apurar, três feridos são considerados graves e dois críticos. Entre os feridos ligeiros, há cinco crianças entre os cinco e os 16 anos. Todos foram transportados para Coimbra.

Carlos Tavares, comandante operacional distrital de Coimbra explicou, que a explosão decorreu no recinto de festas momentos antes da saída das pessoas da capela para a procissão. "Algo terá corrido mal" no manuseamento dos artigos pirotécnicos, explicou.

"Lamentamos um morto e 24 feridos. Duas pessoas em estado crítico, três feridos graves e 19 ligeiros. De entre estas, há cinco crianças, transportadas para o hospital pediátrico de Coimbra. Os restantes foram igualmente para Coimbra, um deles de helicóptero", disse.

Já o vice-presidente da Câmara de Penacova, João Azadinho, explicou à agência Lusa que a pessoa que morreu estava a manusear os artigos de pirotecnia. "O socorro foi muito rápido", acrescentou.

No local, além de meios de socorro, estão o Apoio Social da autarquia, a Segurança Social e instituições particulares de solidariedade social.

A capela terá ficado muito danificada, assim como algumas habitações em redor do recinto de festas.

Mais de uma centena de pessoas assistiam aos festejos, entre os quais o presidente da autarquia, Humberto Oliveira, com origens neste local e que acionou os meios de socorro.

JN

Sem comentários:

Enviar um comentário