Rapaz de 11 Anos Morre ao Salvar Amigo de Lago Gelado - VIDA DE BOMBEIRO

_______________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Rapaz de 11 Anos Morre ao Salvar Amigo de Lago Gelado


Um rapaz de 11 anos morreu esta terça-feira em Nova Iorque, depois de ter salvo um amigo de 12 anos que tinha caído num lago gelado. 

Anthony Perez caminhou mais de 15 metros sobre a superfície gelada do lago até o gelo ceder. Ficou preso debaixo de água e acabou por morrer afogado. Antes de morrer, a vítima conseguiu salvar o amigo Juan Umpierrez , de 12 anos. 

Os dois estavam a brincar num pequeno lago do Parque Florestal de Queens quando Juan caiu no gelo. Anthony não hesitou em avançar para resgatar o amigo, mas acabou ele próprio por ser vítima da armadilha. Juan escapou sem ferimentos. 

A revista Time conta na sua edição online que os bombeiros fizeram tudo para o salvar, mas o socorro chegou tarde demais. "Dois bombeiros tiveram de partir o gelo com as mãos para chegar à área onde se julgava que o rapaz tinha desaparecido. Encontraram-nos já sem vida" conta George Healy , chefe dos Bombeiros de Nova Iorque. 

Os dois bombeiros tiveram de ser assistidos por hipotermia. Na sequência do caso, os bombeiros emitiram um alerta para que se evitem situações de risco como esta. Lagos aparentemente congelados podem não aguentar o peso de uma pessoa, pelo que o risco é demasiado elevado.

"Há sinais de aviso à volta de todos os lagos na cidade, imploramos, digam às vossas crianças que o gelo não é seguro. Não vai suportar o peso delas e pode haver consequências trágicas", alerta George Healy nas redes sociais. 

Amigos de Anthony dizem que o seu gesto foi próprio de um herói e choram a morte de um rapaz que deu a vida para salvar um amigo.

Fonte: Correio da manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________