Colapso na Resposta de Emergência - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 26 de junho de 2024

Colapso na Resposta de Emergência

 


Colapso na Resposta de Emergência 


A Associação Nacional dos Técnicos de Emergência (ANTEM), atenta a toda a situação que envolve o atual estado em que se encontra o sistema que responde às emergências, teme o colapso da resposta. 


Os casos que vão surgindo no espectro público são apenas uma pequena parte do que ocorre a cada 24 horas, havendo dezenas de situações não difundidas.  


Desde os complexos problemas nas urgências dos hospitais que por razão de força maior interferem naquilo que é a resposta a situações de emergência, até à gestão dos CODU – causam graves constrangimentos aos portugueses, em alguns casos alegadamente até a morte. 


Já se trata de uma clara violação dos Direitos da Pessoa Humana (Direito à Vida), que merece atenção dos mais altos dignatários do nosso País, não nos referimos a casos pontuais (também esses merecedores de devida investigação), mas situações que se tornaram recorrentes. 


Situações essas, por diversas vezes abordadas em sede própria sem que tenham existido mudanças estruturantes ou a mitigação dos eventos adversos de um dos modelos de resposta mais ineficaz do globo. 


Sublinhar que não faltaram advertências para o escalar do mau serviço prestado ao País por parte do INEM; I.P, pago com os impostos de todos os cidadãos através dos seguros, que têm como missão a salvaguarda das nossas vidas. 


É nosso entender que, existe matéria para que seja criada com urgência uma Comissão Parlamentar de Inquérito, uma vez que estão a ser constantemente violados os Direitos, Liberdades e Garantias – no caso em concreto o Direito à Saúde e à Vida.

Sem comentários:

Enviar um comentário