Proença-a-Nova Apoia Bombeiros com 3.ª Equipa de Intervenção Permanente - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

quinta-feira, 20 de outubro de 2022

Proença-a-Nova Apoia Bombeiros com 3.ª Equipa de Intervenção Permanente

 


A Câmara de Proença-a-Nova, no distrito de Castelo Branco, vai apoiar os bombeiros locais com cerca de 118 mil euros para a constituição da terceira Equipa de Intervenção Permanente (EIP).


"Este apoio permitirá o funcionamento desta equipa, composta por cinco elementos, nos próximos três anos, de janeiro de 2023 a dezembro de 2025, com a missão de melhorar a eficiência da proteção civil e as condições de prevenção e socorro no concelho", referiu, em comunicado, o município de Proença-a-Nova.


A criação desta terceira EIP foi aprovada, por unanimidade, em reunião do executivo, que decidiu atribuir um apoio financeiro de 117.540,90 euros à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Proença-a-Nova.


A Câmara também aprovou a minuta de protocolo a estabelecer com a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), que irá comparticipar com igual valor.


Citado no documento, o presidente da Câmara de Proença-a-Nova, João Lobo, salientou que "este investimento do município é um esforço com duplo sentido".


"O primeiro e mais relevante resulta no reforço e capacitação do nosso corpo de bombeiros para garantirem de forma clara e contínua o socorro e a segurança dos nossos munícipes".


O autarca realçou ainda que a outra vertente "prende-se com a aposta na profissionalização dos operacionais bombeiros e, por essa via, também o incremento de emprego e a afirmação da Associação Humanitária".


Esta EIP, que se junta a outras duas que funcionam nos mesmos moldes, com o apoio financeiro partilhado entre o município de Proença-a-Nova e a ANEPC, permite valorizar as associações e os corpos dos bombeiros voluntários.


"Com esta medida, é ainda valorizada e reforçada a profissionalização dos operacionais, garantindo prontidão na resposta às ocorrências que impliquem intervenções de socorro às populações e de defesa dos seus bens".


Fonte: Lusa

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________