Sindicato de Bombeiros Sapadores Denuncia Falta de Bombeiros para Prestar Socorro - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

sexta-feira, 16 de setembro de 2022

Sindicato de Bombeiros Sapadores Denuncia Falta de Bombeiros para Prestar Socorro

 


O Sindicato Nacional dos Bombeiros Sapadores (SNBS) diz que o socorro no concelho de Setúbal está em risco. A estrutura sindical usa o caso concreto de um acidente ocorrido na quarta-feira, na zona da Arrábida, onde os bombeiros voluntários da cidade se revelaram “incapazes” de desencarcerar uma vítima, e tiveram de ter ajuda dos colegas dos sapadores, para apontar, principalmente, a falta de efetivo existente.


Um homem ficou encarcerado na própria viatura, esta quarta-feira, durante duas horas, após um acidente rodoviário na EN379-1, junto do portinho da Arrábida, este que deixou a vítima em estado grave.


Ao local foram direcionados cinco elementos dos Bombeiros Voluntários de Setúbal e uma viatura de socorro, que, passado uma hora e quatro minutos, continuaram sem acesso à vítima, assumindo “incapacidade de recursos materiais e humanos” para concluir o resgate.



Deste modo, os Bombeiros Sapadores, tiveram de se deslocar, com o mesmo número de operacionais que os Bombeiros Voluntários, para o local do acidente, onde acabaram por conseguir socorrer o homem.


Segundo afirmou o Sindicato Nacional de Bombeiros Sapadores, em comunicado, este incidente deveu-se à alegada falta de efetivos no corpo de Bombeiros Sapadores de Setúbal, que neste momento dizem contar com 13 a 14 elementos por turno, número que não chega perto dos 27 elementos mínimos exigidos por lei.


O sindicato também menciona que “aceita que exista um complemento do socorro, assegurado pelos Bombeiros Voluntários, mas não o contrário”. Referindo que a legislação contempla a responsabilidade dos socorros aos bombeiros profissionais.


No modo desta situação, que os Bombeiros Sapadores dizem “não ser um caso único”, apelam para voltar a ter um destacamento em Azeitão, para aumentar a capacidade de resposta profissional nesta zona geográfica, que apenas conta com a corporação dos Bombeiros Voluntários de Brejos de Azeitão.


Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________