A Serra Arde, a Serra Chora e com Ela Devemos Chorar Todos - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

sexta-feira, 12 de agosto de 2022

A Serra Arde, a Serra Chora e com Ela Devemos Chorar Todos

 


A Serra arde, a Serra Chora e com ela devemos chorar todos.


Não é uma guerra mas não deixa de ser uma calamidade, não é uma guerra mas não deixa de ser uma catástrofe.


Ano após ano somos completamente invadidos por notícias de zonas do nosso país a arder, e não vou estar aqui a bater na tecla do,’’ negocio do fogo '' os '' interesse económicos '' e as outras mil e uma coisas que todos nós já ouvimos e sabemos de cor.


Gostava de focar em outros pormenores que ano após ano se repetem, tal como os fogos nos quais ninguém mete a mão, e que poderiam fazer a diferença nesta triste sina que nos acompanha.


Falamos de aldeias seguras que não existem, de programas que ainda tem muito para desenvolver até conseguirem deixar uma aldeia com autonomia perante uma situação de perigo.


Falamos de guerras e guerrinhas entre entidades que não nos levam a lado nenhum, só dificultam e atrasam o socorro, no final quando tudo acaba as fardas diferentes tem todas a mesma cor cinza e o mesmo cheiro de suor fruto do trabalho árduo que foi feito.


Portugal continua a não ter capacidade de resposta por muito que teimosamente alguns defendam que sim.


Posteriormente a isso tudo ainda temos a procura de culpados, a procura de culpados no nosso país vale sempre do que vale, acho no entanto que se perde o foco do que realmente importa que é as lições que devemos tirar no final.


Mais do que procurar culpados, o reforço deve ser feito na procura de soluções para os erros e falhas cometidos, fazer alterações a leis que permitam atuar sobre incendiários, fazer alterações nas entidades envolvidas seja na atribuição de meios seja na atribuição de formação para que trabalhem todos juntos na mesma direção.


Vamos a meio do verão e já se perdeu a conta ao número de incêndios de larga proporção que já tivemos, a Serra a nossa grande e bela Serra que a 2 de Setembro de 2019 viu-lhe ser atribuída pela UNESCO o estatuto de GEOPARK MUNDIAL tem agora mais de 14 mil hectares reduzidos a cinzas, um incendeio que leva 7 dias mais de mil elementos no terreno, que devasta tudo o que passa que destrói paisagens, vida animal, e vidas e terrenos alheios que por esta hora ainda arde mas não o suficiente para uma ativação de meio internacionais.


A Serra vai demorar décadas a recuperar mas quem lá mora quem viu de perto o fogo a passar-lhe pela porta não tem décadas para esquecer, tem o resto da vida para se lembrar de tudo isto, e nunca irá conseguir ver a Serra totalmente recuperada.


É um texto que dediquei inteiramente há minha Serra, tua Serra, nossa Serra, mas um texto onde poderia substituir a palavra "Serra " por outra zona qualquer de tantas vezes que já vimos isto acontecer, um texto que diz mais sobre a ausência de lições aprendidas do que propriamente sobre a Serra.


Ariana Ribeiro

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________