Bombeiros das Taipas celebram 135 anos e aguardam novo comandante - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

domingo, 1 de maio de 2022

Bombeiros das Taipas celebram 135 anos e aguardam novo comandante

 


Fundada 1887, a corporação volta a celebrar a data da sua fundação, depois de uma interrupção de dois anos.


Este domingo, a Associação Humanitária dos Bombeiros das Caldas das Taipas comemora o seu 135º aniversário, na mesma altura em que o atual comandante, Ernesto Soares, passa ao quadro de honra. O comando corporação passa, agora, a ser desempenhado, interinamente, pelo adjunto de comando João Paulo Gomes.


Às 8 horas, com o Corpo de Bombeiros formado em parada, fez-se o hastear das bandeiras, ao que se seguiu a romagem ao cemitério, para homenagear os antigos membros. Às 9 horas teve lugar uma missa solene, na igreja matriz da vila, seguida da imposição de condecorações, no quartel.


À espera do comandante


O aniversário coincide com a passagem ao quadro de honra do comandante Ernesto Soares, cuja comissão de serviço terminou, em fevereiro deste ano. O novo comandante, indigitado desde dezembro de 2021, Hugo Torrinha, está ainda em formação. Até à tomada de posse do novo comandante, será o adjunto de comando, João Paulo Soares, a assumir a liderança dos voluntários taipenses.


O escolhido pela direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Caldas das Taipas para comandar o corpo operacional, Hugo Torrinha, faz parte do Gabinete Técnico Florestal da Câmara Municipal de Guimarães. O futuro comandante foi um dos responsáveis, em 2018, pela criação da equipa de Sapadores Florestais do Município de Guimarães.


Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________