Augusto Arnaut "O Bode Expiatório" - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

quinta-feira, 19 de maio de 2022

Augusto Arnaut "O Bode Expiatório"

 


Tudo mal desde o início


Para  a Liga dos Bombeiros Portugueses o processo de Pedrogão Grande  está mal desde o início, sem que isso possa ser interpretado como qualquer tentativa de se imiscuir na justiça.


A assunção das eventuais responsabilidades deveriam desde logo ser atribuídas a quem de direito e não escolher o caminho mais fácil, como aconteceu, de fazer de um comandante de bombeiros o bode expiatório  de tudo.


O comandante Augusto Arnaut está a ser a principal vítima de um sistema que não funciona.


Responsabilizar um bombeiro, homem íntegro e lúcido, pelo que diz respeito à proteção civil  é surrealista, ainda mais quando as verdadeiras responsabilidades estão a montante e sem que tenham saído beliscadas.


O Ministério Público pediu cinco anos de prisão para o comandante Arnaut nas alegações hoje proferidas no tribunal de Leiria.


Para a LBP haverá, por certo, muitos recursos a interpor até que se faça justiça.


"A LBP não se revê nas alocuções finais do Ministério Público feitas no julgamento do Comandante Augusto Arnaut", revela António Nunes que frisa "acreditar o como sempre o afirmou que está inocente". O presidente da LBP "lamenta uma vez mais que a estrutura (hipotética) do sistema esteja ausente e silenciosa". 


Este é o melhor exemplo que os Bombeiros de Portugal precisam do seu Comando Nacional ou melhor que lhes seja devolvido o comando que lhes foi retirado. 


A LBP está e estará em qualquer circunstância com o comandante Augusto Arnaut.

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________