Detido Suspeito de Atear Fogo no Concelho de Ourém - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

segunda-feira, 16 de agosto de 2021

Detido Suspeito de Atear Fogo no Concelho de Ourém

 


Um homem de 46 anos, suspeito de ser o autor de um incêndio florestal na sexta-feira, no concelho de Ourém, distrito de Santarém, foi detido fora de flagrante delito, anunciou esta segunda-feira a Polícia Judiciária (PJ).


Em comunicado, a PJ refere que, através do Departamento de Investigação Criminal de Leiria e em colaboração com a GNR de Ourém, recolheu elementos de prova que determinaram a detenção do suspeito da autoria de um incêndio florestal nas imediações da localidade de Freixianda.


A PJ explica que o arguido, desempregado, "ateou o incêndio com recurso a chama direta, havendo suspeitas de que outras ignições naquela zona possam estar relacionadas com o mesmo".


"O local do incêndio insere-se numa vasta região de floresta com uma geografia acidentada de montes e vales onde se localizam pequenas povoações", adianta a Judiciária, acrescentando que "a pronta intervenção dos bombeiros evitou que o incêndio tomasse outras proporções que pusesse em perigo a vida, a integridade física ou bens patrimoniais de terceiros".


Presente às autoridades judiciárias, foi determinado ao suspeito a medida de coação de obrigação de apresentação periódica a órgão de polícia criminal.


Fonte da PJ disse à agência Lusa que continua a investigar outros incêndios que correram naquela zona do concelho de Ourém, esclarecendo que o homem não tem antecedentes criminais.


Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________