Bombeiros com Melhores Indemnizações - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

quarta-feira, 14 de julho de 2021

Bombeiros com Melhores Indemnizações

 


A Secretaria de Estado da Administração Interna quer melhorar as compensações aos bombeiros, pagas pelos seguros, em caso de acidente. Segundo os municípios, as entidades que, por lei, suportam os custos das apólices, os aumentos poderão chegar aos 33 mil euros, em caso de morte ou de invalidez.


Foi criado um grupo de trabalho com a Associação Nacional dos Municípios Portugueses (ANMP), a Liga dos Bombeiros Portugueses e a Secretaria de Estado da Descentralização e Administração Local para rever essa regulamentação. O Governo, através da Secretaria de Estado da Administração Interna, já fez chegar uma proposta à ANMP, analisada na reunião de ontem do conselho diretivo.


O documento, a que o JN teve acesso, contempla o aumento da indemnização, em caso de morte ou invalidez, de 250 para 300 vezes da remuneração mínima mensal garantida, o que representaria uma subida de 166 mil para 199 mil euros no valor da compensação. A indemnização por incapacidade temporária cresceria de 99 para 106 euros por dia, enquanto os valores a pagar por tratamento e medicamentos se manteria nos 66 500 euros. "Estamos a trabalhar num ponto de equilíbrio justo que satisfaça a todos. Os seguros dos bombeiros são pagos pelos municípios. Estamos a ver com as seguradoras se há hipótese de melhorar. É uma discussão que estamos a ter com o Governo e a ANPC para melhorar as condições de trabalho dos bombeiros", descreve o presidente da ANMP, Manuel Machado.


Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________