Webinar do INEM aborda situações de urgência/emergência nas pessoas com coagulopatias congénitas ou outras doenças raras - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sexta-feira, 28 de maio de 2021

Webinar do INEM aborda situações de urgência/emergência nas pessoas com coagulopatias congénitas ou outras doenças raras

 



O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) promove, no dia 2 de junho às 11h00, um webinar sobre Situações de urgência/emergência nas pessoas com coagulopatias congénitas ou outras doenças raras. Esta iniciativa é dirigida a todos os profissionais do INEM bem como aos parceiros do Sistema Integrado de Emergência Medica (SIEM), designadamente operacionais dos Bombeiros e da Cruz Vermelha Portuguesa.


Estima-se que, em Portugal, existam cerca de 2.400 pessoas com coagulopatias congénitas. Em situações de urgência ou emergência, e de acordo com a Norma nº 017/2018 da Direção-Geral da Saúde (DGS), estas devem ser encaminhadas para a unidade hospitalar onde regularmente são acompanhadas ou para a unidade hospitalar mais próxima que disponibilize tratamento específico com fatores de coagulação.


Tendo em conta a particularidade destas situações, este webinar surge com o propósito de sensibilizar a comunidade da emergência médica pré-hospitalar para uma pronta e correta abordagem de pessoas com coagulopatias congénitas vítimas de acidentes ou doenças súbitas.  


Durante a sessão serão abordadas as coagulopatias congénitas com maior incidência em Portugal, os sinais e sintomas que indicam situações de urgência/emergência, a melhor abordagem e encaminhamento para estes doentes e qual o papel do Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) do INEM nestas situações, havendo também espaço para a perspetiva das pessoas com coagulopatias congénitas.  


Para tal, o INEM conta com a participação de representantes da Comissão Nacional de Hemofilia, da Direção-Geral da Saúde e da Associação Portuguesa de Hemofilia e de outras Coagulopatias Congénitas (APH) para um debate enriquecedor e esclarecedor para toda a comunidade.


Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________