Rafael Silva passa ao Quadro de Honra e deixa Comando dos Bombeiros - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

sábado, 8 de maio de 2021

Rafael Silva passa ao Quadro de Honra e deixa Comando dos Bombeiros

 


Comando está entregue ao 2.ª Comandante Ernesto Soares. Ultrapassados conflitos internos, é ainda possível que os Bombeiros das Taipas integrem o DECIR 2021.


Rafael Silva vai passar ao Quadro de Honra da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários das Taipas, deixando assim também o Comando do corpo ativo dos bombeiros taipenses.


De baixa médica e ausente da liderança do corpo ativo dos Bombeiros das Taipas há já um longo período, Rafael Silva estará a preparar-se para deixar o cargo ao passar para o Quadro de Honra da instituição a partir do próximo mês.


A saída de Rafael Silva, de acordo com algumas informações que fomos conseguindo recolher junto de elementos próximos deste processo, estará relacionada com conflitos internos que se têm verificado nos últimos tempos nos Bombeiros das Taipas, que inclusivamente tiveram repercussões na tomada de posse de Manuel Castro como presidente da instituição, evento no qual Rafael Silva não esteve presente.


De resto, Rafael Silva já não esteve presente noutras iniciativas de relevo, tal como no hastear de bandeiras da celebração do último aniversário.


Neste momento o Comando dos Bombeiros das Taipas está a ser assegurado pelo 2.º Comandante Ernesto Soares, que irá assegurar tais funções até ao final deste mandato, que termina em março do próximo ano.


Face a estes desenvolvimentos, existe a possibilidade de os Bombeiros das Taipas ainda poderem vir a integrar o DECIR 2021 (Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais). Os Bombeiros das Taipas têm sido a única corporação de bombeiros do concelho de Guimarães a integrar o DECIR, constituindo equipas de forma ininterrupta desde 2003.


Este ano a integração deste dispositivo estava em causa ao que tudo indica, já devido aos conflitos existentes, algo que estará ultrapassado, com o Corpo Ativo, desta forma, a mostrar disponibilidade para integrar o DECIR 2021.


Contactado para se pronunciar sobre este assunto, o presidente da Direção, Manuel Castro, apenas referiu que esta ainda não é uma situação definitiva. Até ao momento, apesar das tentativas, ainda não foi possível recolher qualquer reação de Rafael Silva.


Fonte: Reflexo Digital

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________