Criança de 14 Anos Gravemente Ferido Após Choque entre Bicicleta e Autocarro em Ponte de Lima - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

terça-feira, 25 de maio de 2021

Criança de 14 Anos Gravemente Ferido Após Choque entre Bicicleta e Autocarro em Ponte de Lima

 


Um rapaz de 14 anos ficou gravemente ferido na sequência de uma colisão entre uma bicicleta, em que seguia, e um autocarro, na Via Foral Velho D. Teresa, na freguesia de Feitosa, em Ponte de Lima, na tarde desta terça-feira, apurou O MINHO junto de fontes do socorro.


O jovem sofreu um traumatismo crânio-encefálico (TCE) e foi transportado para o Hospital de S. João, no Porto.


O alerta foi dado às 13:27.


Os Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima prestaram socorro com uma viatura e dois operacionais e tiveram o apoio da SIV de Ponte de Lima e da VMER de Viana do Castelo.


A GNR tomou conta da ocorrência.


Estrada problemática


A Via Foral Velho D. Teresa é uma estrada conhecida pela elevada sinistralidade, tendo em 2019 a Câmara, após acordo com a Infraestruturas de Portugal, avançado para uma intervenção de requalificação, “tendo em conta os vários acidentes mortais ocorridos nos últimos anos”.


“A via em causa é um dos principais acessos à vila de Ponte de Lima, integrando uma malha urbana plenamente consolidada, onde se localizam diversos espaços e equipamentos públicos educativos e desportivos, bem como estabelecimentos de comércio e de serviços”, salientava o município.


Naquele local, em novembro de 2019, um movimento cívico criado em Ponte de Lima promoveu uma vigília para “sensibilizar peões e automobilistas” para a necessidade de prevenir a sinistralidade na EN 203.


A vigília surgiu na sequência de um atropelamento, que causou a morte de uma mulher de 56 anos.


Já em novembro de 2017, a Câmara de Ponte de Lima tinha aprovado um voto de protesto por a IP não avançar com a requalificação daquela via.


Fonte: O Minho

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________