Mulher de 67 anos identificada por incêndio florestal em Vila Real - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________

terça-feira, 13 de abril de 2021

Mulher de 67 anos identificada por incêndio florestal em Vila Real

 


A Guarda Nacional Republicana (GNR) identificou, na segunda-feira, uma mulher de 67 anos que está acusada do crime de incêndio florestal, no concelho de Vila Real. 


No seguimento de um alerta de incêndio florestal, a GNR encaminhou militares para o local. Estes conseguiram apurar que as chamas tiveram origem numa queimada de sobrantes florestais que se descontrolou.


No total, garante a autoridade em nota enviada às redações, foram consumidos 200 m2 de vegetação.


Durante as diligências, a GNR identificou a responsável pela queimada e os factos foram remitidos para o Tribunal Judicial de Vila Real.


A força militar lembra que as queimas e queimadas são das principais causas de incêndios em Portugal e que, em qualquer altura do ano, é "proibido queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração florestal ou agrícola bem como efetuar queimadas sem pedir autorização ou fazer comunicação prévia". 


Fonte: Noticias ao Minuto

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________