Caldeira explode e atinge quatro pessoas - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

terça-feira, 29 de dezembro de 2020

Caldeira explode e atinge quatro pessoas

 


A explosão de uma caldeira a gás na subcave de um prédio no bairro das Lameirinhas, na Guarda, causou esta segunda-feira quatro feridos e danos elevados em vários edifícios, estando a origem a ser investigada pela PSP e pela PJ.


Eram 14h59 quando foi dado o alerta para a explosão, que foi sentida também por moradores nos prédios vizinhos. Joaquim Fonseca, de 65 anos, mora no edifício ao lado e foi para a rua assustado. “Estava no quintal a rachar lenha e ouvi um estrondo muito grande”, contou ao CM, adiantando que só mais tarde percebeu qual tinha sido a origem do barulho.


Segundo apurou o CM no local, o sistema a gás da caldeira tinha sido renovado durante a manhã, o que poderá indicar alguma anomalia no equipamento ou na execução dos trabalhos.


O dono do apartamento onde ocorreu a explosão é um emigrante na Suíça, que veio a Portugal para passar o Natal. O homem, com idade entre os 60 e os 70 anos, sofreu queimaduras nas vias respiratórias e outras lesões, por ter sido projetado contra uma parede com o impacto. Foi assistido no local pelas equipas dos bombeiros e transportado para o hospital, para onde também foram levados os outros três feridos. São dois homens de 30 anos e uma mulher de 60, que sofreram ferimentos sem gravidade.


Um dos feridos teve alta médica ainda esta segunda-feira e voltou para o local onde ocorreu a explosão para prestar declarações aos investigadores. A ocorrência obrigou a mobilizar 19 operacionais e nove viaturas.


Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________