“No Fundo é Simples Ser Feliz. Difícil é Ser Tão Simples” - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 18 de novembro de 2020

“No Fundo é Simples Ser Feliz. Difícil é Ser Tão Simples”

 


Em todas as oportunidades e momentos que nos possibilitam uma reflexão, eis que em algumas delas surge a oportunidade de atempadamente fazermos uma profunda, análise, retrospetiva e avaliação do nosso quotidiano.


Dou por mim a pensar que em momento algum imaginei passar por tamanho desafio quando decidi aceitar o Comando de um Corpo de Bombeiros.


Uma realidade ainda mais desafiada por esta Pandemia que em todos nós algo mudou, mesmo que por vezes não a saibamos reconhecer.


A imensidão de sentimentos que invade os “meus Bombeiros” e os Bombeiros de Portugal é imensurável, sei que um pouco a semelhança de muitas outras pessoas e áreas, mas hoje as minhas palavras são para estes meus Heróis os Soldados da Paz.


Tenho Homens e Mulheres que com tão pouco fazem tanto, que a troco de nada dão tudo, quando tudo falha eles dizem presente, e com a impressionante mensagem de Comandante que precisa? Nós vamos….


São estas pessoas que com todos os seus medos, angustias, receios, como qualquer comum mortal, os libertam na hora de dizer presente e sem hesitar permitem que este Sistema não colapse não entre em rutura e vão permitindo que os cuidados atribuídos ás suas missões sejam exemplarmente cumpridas.

Lidamos com o desprezo e falta de reconhecimento de quem nos Tutela, que continua a fingir a nossa não existência e sabem porquê?


Pela razão de sempre pois somos mais consciência que coração, não conseguimos ser insensíveis ao ponto de entrar numa greve e parar todo este Sistema cheio de lacunas, fragilidades e ineficaz quando mais de nós precisam.


SIOPS que deve ser revisto á uma imensidão de tempo, dar “o céu a seu dono” e este que é o maior Agente de Proteção Civil do no nosso País seja dotado de condições dignas e exemplares condizentes com o tamanho da sua causa e que sempre fez por as merecer.


Ouço frequentemente e bem as vozes de revolta de muitos que dizem que nada se faz, embora concorde e subscreva deixem que vos diga, muito fazemos nós com um exemplo bem vincado daquele que é o nosso dever a Proteção de Pessoas e Bens.


Esta sim devia ser a forma de quem nos Governa nos reconhecer, como um exemplo de entrega ao País, a uma causa e missão, revindicando o que nos pertence, da forma mais correta existente que é no terreno quando de nós precisam.


Infelizmente como sempre o reconhecimento, e os direitos estão subjugados a interesses e conspurcados por vícios, que não permitem que quem o faz de forma correta e modelo, seja exemplarmente agradecido, dotado, capacitado.


Eles não sabem a força que temos, muitos não sabem que existimos, até necessitarem, alguns ficariam surpreendidos se esta força de valor inqualificável parasse.


Até um dia, um dia que precisem de nós e esta gente diga basta.


Nunca duvidei que os Bombeiros/as fossem especiais, seres únicos de inegável altruísmo e conhecimento, de dedicação única e espírito de missão inqualificável, mas nesta que é e será a mais dura batalha da vida de alguns não poderia deixar de vos dizer uma vez mais OBRIGADO.


Termino com a esperança, que além do meu reconhecimento, um dia não muito longínquo, possam também todos ser lembrados e sobretudo dotados com as condições e direitos que á muito vos são meritoriamente devidos por quem corretamente a muito o devia ter feito.


Vocês são reconhecidamente os meu Heróis.


Vítor Meireles

Cmdt CB Lixa

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________