Cães Procuram Idoso entre os Escombros de Casa Ardida Há Três Dias na Guarda - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sexta-feira, 20 de novembro de 2020

Cães Procuram Idoso entre os Escombros de Casa Ardida Há Três Dias na Guarda

 


Após três dias de buscas, as autoridades ainda não conseguiram encontrar o corpo de Manuel Cerca, de 90 anos. O idoso está desaparecido desde que um incêndio destruiu por completo a habitação onde vivia com a mulher, na Guarda.


Esta quinta-feira foram mobilizadas equipas cinotécnicas da PSP com cães treinados para detetar vítimas em escombros, mas a operação não foi conclusiva. “Estiveram mais ativos numa zona da casa de difícil acesso, mas não sinalizaram de forma evidente a presença de um cadáver”, disse ao CM um elemento da equipa de buscas.


À tarde, foi acionada uma grua para retirar destroços de maior dimensão, precisamente dessa zona da casa onde as equipas ainda não conseguiram aceder em segurança. É aí que elementos da Proteção Civil esperam encontrar o corpo do professor aposentado. “Se houver uma vítima sob os escombros, acabará por ser encontrada, porque a intensidade do fogo não foi suficiente para desintegrar um corpo”, adiantou ao CM Paulo Sequeira, comandante dos Bombeiros da Guarda.


As autoridades acreditam que o idoso se encontra debaixo de toneladas de detritos que resultaram do colapso dos dois pisos e do telhado do edifício. Maria de Lurdes, mulher do desaparecido, que foi resgatada por populares, terá já confirmado que o marido se encontrava em casa na altura do incêndio.


Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________