Condeixa: Rui Panão Deverá Ser o Novo Comandante dos Bombeiros Voluntários - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 22 de abril de 2020

Condeixa: Rui Panão Deverá Ser o Novo Comandante dos Bombeiros Voluntários


O chefe Rui Panão deverá suceder a Fernando Gonçalves no comando dos Bombeiros Voluntários de Condeixa, soube o TERRAS DE SICÓ.

“Achámos que o Rui Panão, que já está nos Bombeiros há vários anos, reunia as melhores condições para constituir uma boa equipa e para o desempenho da função”, adianta Gustavo Santos, presidente daquela associação humanitária, referindo que o nome foi “duramente debatido” no seio da direcção e “aprovado por maioria”.

A nova equipa de comando liderada por Rui Panão, de 41 anos, deverá contar ainda com Daniel Silva, como segundo comandante, e Vítor Martins e Tiago Picão como adjuntos de comando.

A proposta da direcção para os cargos da estrutura de comando carece agora da homologação da Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil e de um período de formação e exame a que os referidos operacionais serão sujeitos.

Até que as formalidades previstas na lei estejam cumpridas, Paulo Marques mantém-se, interinamente, no comando do corpo activo.

“Esperamos que o processo esteja resolvido nos próximos meses, porque não podemos estar muito tempo sem resolver a situação”, refere o dirigente.

Recorde-se que Fernando Gonçalves deixou os Bombeiros de Condeixa em meados de Fevereiro para assumir o comando da corporação de Góis.

NOVO QUARTEL AVANÇA

Entretanto, Gustavo Santos adianta que a crise provocada pela pandemia de covid-19 não irá ter influência no propósito, em marcha, da construção do novo quartel. A licença de construção da obra foi despachada, já esta semana, pela autarquia, faltando agora alguns trâmites respeitantes ao necessário empréstimo bancário e o lançamento do concurso para o início da obra.

Fonte: Jornal Terras de Sicó

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________