Sirenes alertam para tsunamis no concelho de Portimão - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2020

Sirenes alertam para tsunamis no concelho de Portimão


Foram instaladas duas novas sirenes de alerta para tsunami no concelho de Portimão. O primeiro equipamento sonoro já tinha sido testado no final de 2018 e o objetivo é ter oito até final de 2021.

O município algarvio é o único na região, e um dos primeiros no País, além de Cascais, a apostar neste sistema de prevenção. O objetivo é conseguir avisar o maior número de pessoas que estejam junto à praia e zonas ribeirinhas para a aproximação de um tsunami, que poderá ocorrer após um sismo. As sirenes poderão transmitir um conjunto de mensagens gravadas em português, inglês e, no futuro, também em francês.

Segundo revelou ao CM Richard Marques, comandante da Proteção Civil e dos Bombeiros de Portimão, a partir do momento em que o Instituto Português do Mar e da Atmosfera lança o aviso aos meios da Proteção Civil o "operador de telecomunicações de emergência aciona as sirenes automaticamente".  

O próximo passo será a colocação da sinalética até ao verão, de forma a que a população saiba onde são "as zonas seguras no concelho", evitando fugas arriscadas para pontos altos como Monchique. Durante este ano haverá várias ações de formação para a população.

Richard Marques assume que já foi contactado por "vários municípios do País que querem investir na prevenção" e considera vital que "todo o território nacional adote o mesmo sistema", com "sinalética e regras iguais". A Câmara de Portimão investiu 175 mil euros neste sistema pioneiro.

Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________