Bombeiros de Baltar a "Ferro e Fogo" - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sábado, 11 de janeiro de 2020

Bombeiros de Baltar a "Ferro e Fogo"


Os bombeiros de Baltar estão a passar por uma fase conturbada na sua história, problemas internos fizeram com que alguns graduados daquele Corpo de Bombeiros pedissem a passagem ao Quadro de Reserva, mais tarde, recentemente, o comandante Delfim Cruz apresentou a sua demissão do comando, fazendo com que todo o comando se demitisse juntamente com ele.

Nos passado dia 7 de Janeiro, a direção dos Bombeiros de Baltar, decidiu acabar com a EIP (equipa de intervenção permanente), o que fez despoletar grande indignação quer pelos operacionais daquele CB, assim como pela população local.

Nas redes sociais o CDS da Freguesia de Baltar, lamentou a situação pelo encerramento da EIP, lançando o seguinte comunicado:

"BOMBEIROS DE BALTAR SEM EIP ⚠️

A sirene dos Bombeiros Voluntários de Baltar voltará a tocar. O socorro demorará mais tempo a chegar. Esta é a realidade com que os baltarenses se irão deparar daqui em diante. Realidade que já não se vivia há largos anos.

Na passada sexta-feira a sirene tocou 15 minutos (da EIP só estava um Bombeiro e 4 estavam a gozar as férias antes de acabar o contrato) e a Viatura Médica Emergência e Reanimação (VMER) do INEM chegou primeiro ao Centro de Dia de Baltar do que os bombeiros. Infelizmente a senhora não resistiu e acabou por falecer com uma paragem cardio respiratória. A Equipa de Intervenção Permanente (EIP) agora extinta existia para evitar estas situações. Servia para prestar o socorro imediato a quem dele estivesse necessitado. A EIP era constituída por 5 Bombeiros e era financiada pela Câmara Municipal de Paredes (50%) pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (50%).

O CDS Baltar questiona: quem é responsável pelo fim desta Equipa?

E o CDS Baltar responde: a Direção dos Bombeiros de Baltar dirigida por José Alberto Sousa.
O mesmo senhor que representa o Partido Socialista nos mais diversos cargos políticos. O mesmo senhor que não quer fazer frente aos seus companheiros do executivo municipal para defender a Associação Humanitária e todos os baltarenses. O mesmo senhor que reside em Baltar e que um dia pode precisar de socorro.

O CDS Baltar está atento e não deixará passar em branco jogadas políticas que prejudicam todos quantos se socorrem dos Bombeiros Voluntários de Baltar.

O CDS Baltar louva todo o corpo dos Bombeiros Voluntários de Baltar que ao longo de tantos anos de atividade serviram a população na certeza de que continuarão a fazer um excelente trabalho e lamenta que a Câmara Municipal de Paredes e a Direção não o reconheçam.
O CDS Baltar agradece e congratula a EIP pelo serviço prestado nos últimos anos."

Depois disto, a Junta de Freguesia de Baltar, reagiu também nas redes sociais com o seguinte comunicado: 

"Junta de Freguesia apoia os B.V. Baltar

Esclarecimento Junto dos Bombeiros Voluntários de Baltar

Nos últimos dias Baltar e as suas instituições têm sido alvo de noticias pela negativa, pondo em causa o funcionamento dos B. V. Baltar, que é uma instituição fundamental da Vila. Deste modo, a Junta de Freguesia sente a obrigação de apurar os factos no sentido de tranquilizar e esclarecer de forma cabal a população. De facto, têm corrido na comunicação social e nas redes sociais notícias e comunicados que criam instabilidade no seio das instituições que estão ao serviço dos baltarenses. 

A Junta de Freguesia sente-se na obrigação de informar os baltarenses no sentido de evitar falsos alarmes. A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Baltar, os seus órgãos dirigentes e o seu corpo ativo são merecedores do maior respeito e não merecem ser tratados da forma como tem acontecido. 

Da parte da Junta de Freguesia de Baltar nunca ousaremos desrespeitar quer a instituição, quer os seus dirigentes, quer ainda todos os homens e mulheres que ali prestam serviço de socorro e de defesa dos bens dos Baltarenses. Como não podemos pactuar com os factos que estão a ser veiculados relativos ao funcionamento desta instituição e dos seus órgãos e porque os B. V. Baltar merecem toda a confiança dos baltarenses, sentimo-nos na obrigação de os esclarecer e nesse sentido contactamos a direcção dos B.V.Baltar.

Relativamente aos factos veiculadas por alguns interlocutores da vida politica local, esclarecemos a população que os mesmos não correspondem à verdade e no que se refere à EIP, os B.V. Baltar esclareceram que nas 24 horas de serviço de socorro permanente, aquela equipa só prestava serviço durante 8 horas. No processo de restruturação do quadro de pessoal em curso, os B.V.Baltar garantem à população de Baltar, que a operacionalidade do Corpo de Bombeiros esteve, está e estará sempre garantida. Da parte da Junta de Freguesia de Baltar a AHBVBaltar apenas pode contar com cooperação, respeito e apoio em todas as situações.

Aos elementos do corpo ativo deixamos neste momento a nossa solidariedade, o carinho, a nossa disponibilidade para continuar a colaborar e o nosso reconhecimento por tudo aquilo que têm feito em beneficio das pessoas da Vila de Baltar.

Esta postura de promoção de uma imagem alarmista e negativa da Vila de Baltar, atacando a instituição de mais prestígio da Vila de Baltar , apenas tem fins políticos e nada contribui para o desenvolvimento social da nossa Vila. Da parte da Junta de Freguesia, os Baltarenses e as instituições de Baltar sabem que só podem contar com todo o nosso empenho, dedicação e colaboração para as valorizar e ajudar na sua atividade. 

É com todas as instituições que nós queremos continuar a colocar na linha da frente a defesa de Baltar e do seu património e a valorização dos seus recursos, para que os Baltarenses tenham acesso a uma qualidade de vida cada vez melhor, que está estará sempre defendida pelos B. V. de Baltar que esclareceram a Junta de Freguesia de Baltar com provas factuais.
O Executivo da Junta de Freguesia de Baltar."

De salientar que quando foi apresentada a EIP dos Bombeiros de Baltar, esta foi apresentada com toda a pompa e circunstância, e agora um ano depois, foi colocado um ponto final nessa mesma EIP.

O Vida de Bombeiro sabe que os problemas internos em Baltar já se vêm arrastar à cerca de 2 anos, sendo que nos últimos tempos as coisa se agudizaram muito mais. 

O Vida de Bombeiro sabe também, que os bombeiros chegaram a ponderar entregar os capacetes, mas que não o fizeram por respeito à população que servem e socorrem todos os dias.

O Vida de Bombeiro é um site isento, sem clube, religião, etnia ou partido, contudo, lamenta que enquanto grande parte dos Corpos de Bombeiros fazem de tudo para tentar uma EIP, sendo que na maior parte das vezes não a conseguem, o Corpo de Bombeiros de Baltar decide acabar com a sua.

Que tudo se resolva pelo melhor é o que desejamos para o CB de Baltar.

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________