Taxista de Coimbra Despista-se e Morre de Doença Súbita - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sexta-feira, 6 de dezembro de 2019

Taxista de Coimbra Despista-se e Morre de Doença Súbita


Um homem morreu ontem, na sequência de doença súbita, quando se encontrava a conduzir um táxi na Avenida Fernão de Magalhães, em Coimbra.

O alerta para a ocorrência foi recebido pelo INEM às 14H47, com a vítima, residente em Coimbra, a ser encaminhada para os Hospitais da Universidade de Coimbra. Na altura, fonte do INEM explicou ao DIÁRIO AS BEIRAS que a vítima, “do sexo masculino e com cerca de 50 anos foi considerada ferido grave, em estado crítico, em resultado de doença súbita”, que resultou depois “num acidente de viação”, que não provocou feridos.

Mais tarde, o DIÁRIO AS BEIRAS confirmou junto de fonte próxima da vítima que esta havia falecido, apesar de ter sido assistida no local por elementos das forças de socorro, que procederam a manobras de suporte avançado de vida.

Para o local foi mobilizada a ambulância de emergência médica, a moto do INEM, a ambulância da Cruz Vermelha Portuguesa, a viatura médica dos HUC, elementos dos Bombeiros Sapadores de Coimbra, PSP e a Polícia Municipal.

Fonte: Diário As Beiras

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________