Hotel em Elvas Evacuado Devido a Fuga de Gás. Vinte Pessoas Retiradas - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Hotel em Elvas Evacuado Devido a Fuga de Gás. Vinte Pessoas Retiradas


Cerca de 20 pessoas foram esta quinta-feira retiradas do hotel de Elvas, no distrito de Portalegre, onde ocorreu uma fuga de gás num reservatório, tendo um trabalhador ficado ferido sem gravidade, disse fonte dos bombeiros.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Portalegre indicou à agência Lusa que a fuga de gás no Hotel São João de Deus ficou resolvida depois de os bombeiros terem efetuado a ventilação do edifício.

Contactado pela Lusa, o adjunto de comando dos Bombeiros Voluntários de Elvas, Nuno Santana, referiu que o ferido ligeiro, de 48 anos, trabalhador da empresa que estava a fazer a manutenção da infraestrutura de gás do hotel, foi transportado para o Hospital de Santa Luzia, em Elvas.

O responsável esclareceu que o homem sofreu ferimentos na mão direita, depois de uma válvula do reservatório se ter partido e o ter atingido.

Anteriormente, fonte do CDOS de Portalegre tinha indicado que o trabalhador teria caído quando pretendia fechar uma torneira.

Quando os bombeiros chegaram junto ao hotel "havia na rua um cheiro intenso a gás", relatou Nuno Santana, referindo terem verificado que havia uma equipa a fazer a manutenção do reservatório do gás, tendo decidido evacuar a unidade hoteleira, onde estavam cerca de 20 pessoas, entre hóspedes e funcionários.

Segundo o adjunto de comando, os bombeiros e a PSP criaram depois um perímetro de segurança, cortando as ruas junto ao hotel.

"A fuga de gás foi resolvida pelos trabalhadores que estavam a fazer a manutenção do reservatório, após terem fechado a válvula de segurança, e a ocorrência ficou concluída, cerca de 30 minutos depois, após os bombeiros terem feito a ventilação do edifício", relatou,

O alerta para a ocorrência, segundo o CDOS, foi dado às 11:04, tendo sido mobilizados 10 operacionais, apoiados por quatro veículos dos Bombeiros Voluntários de Elvas, além da PSP.

Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________