Três mortos e um ferido grave em acidente na Praia da Tocha - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Três mortos e um ferido grave em acidente na Praia da Tocha


Três pessoas morreram esta terça-feira à noite na sequência de uma colisão frontal entre um carro e dois motociclos, na Estrada Nacional 335-1, a caminho da Praia da Tocha, em Cantanhede.

Na sequência do embate, o carro incendiou-se, com os corpos que estavam no interior a ficarem carbonizados. Para além das três vítimas mortais, o acidente provocou ainda um ferido grave.

O acidente ocorreu pelas 20.20 horas, numa zona de reta com boa visibilidade, que liga a vila da Tocha à praia. "A informação que temos é a de uma colisão frontal entre um veículo ligeiro e dois motociclos, mas só a investigação é que vai determinar as causas do acidente", afirma o comandante do Destacamento de Cantanhede da GNR, Celso Marques.

Motos novas

Uma das vítimas mortais é Cláudio Carvalheiro, de 31 anos, que vivia na Bunhosa, Montemor-o-Velho, e seguia num dos motociclos. Segundo contou ao JN um familiar da vítima, Cláudio tinha a moto há cerca de um mês e dirigia-se para a Praia da Tocha com um amigo, que também tinha comprado a moto há pouco tempo. O amigo de Cláudio Carvalheiro, de 29 anos, ficou gravemente ferido e foi transportado ao Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. Cláudio Carvalheiro deixa um filho com cinco anos feitos recentemente.

Segundo algumas testemunhas no local, o carro envolvido no acidente seria ocupado por um casal da localidade de Pedros, Figueira da Foz. No entanto, as autoridades não conseguiram ainda identificar os corpos, que ficaram totalmente carbonizados. "Sabemos que se trata de um homem e uma mulher, mas os corpos ainda terão de ser identificados pelo Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses", adianta Celso Marques.

No local estiveram os Bombeiros de Cantanhede, a GNR e o INEM, num total de 25 elementos e nove veículos. O acidente vai ser investigado pelo Núcleo de Investigação Criminal de Acidentes de Viação da GNR.

Sinistralidade na zona

O acesso à Praia da Tocha é uma zona de muita sinistralidade rodoviária, tendo já havido ali vários acidentes. Em agosto de 2018, duas crianças da zona de Tondela perderam a vida poucos quilómetros atrás da tragédia de ontem.

Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________