O INEM, as Ambulâncias e as Contas!!!! - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

O INEM, as Ambulâncias e as Contas!!!!


Hoje a “manchette” ou pelo menos o destaque é a recusa do Ministério das Finanças em dar “carcanhol” para o INEM adquirir ambulâncias ao que parece para substituição de alguns posto PEM (Posto de Emergência Médica).​

Ora bem, ao que parece há muitas viaturas a reclamar por substituição tal o seu estado de conservação e os muitos Km’s já acumulados, pondo, acredito, o socorro em causa, mas meus senhores o que na realidade interessa são os números da Execução Orçamental, o que interessa é chegar ao fim do ano e podermos ter deficit zero, o que interessa é fazer boa figura na EU, o que interessa é poderem-se apresentar bons números Orçamentais na próxima campanha eleitoral.

E sabem porquê? Porque toda a gente sabe e eles também o sabem, que todos os CB têm mais uma ABSC além da do Posto PEM e o serviço geralmente é feito, sim por nós Bombeiros que depois somos postos de lado noutras situações, esta é que é a realidade. Nós berramos, nós dizemos que o socorro pode ficar comprometido mas depois nunca se chega ao ponto de mudar o tempo verbal e ficamos sempre no “pode ficar”, porque nós resolvemos.

Que eu saiba quem paga seguros do ramo automóvel paga uma taxa para o INEM, que eu saiba o INEM tem Autonomia Financeira e Orçamento próprio, porque razão é que depois tem que se pedir autorização para alguma coisa prevista?

Querem poupar? Acho bem eu também sou dessa opinião, então alterem por exemplo, as viaturas SIV por viaturas mais baratas mais pequenas, porque para fazer o que fazem, e bem, não é necessário andarem em “camiões” que no Portugal de Baixa densidade com as curvas que por cá temos demoram muito mais e na cidade tornam-se mais ágeis, digo eu que não percebo patavina disto.

Querem poupar? Poupem no supérfluo e não no essencial, seja porque razão for até porque na minha opinião não vale tudo para atingir uma determinada meta.

Pensem nisso…..

Martins Andrade

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________