Bombeiro Morre no Rio Mondego em Coimbra - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

segunda-feira, 26 de agosto de 2019

Bombeiro Morre no Rio Mondego em Coimbra


O homem de 66 anos que sexta-feira morreu afogado no rio Mondego, na zona balnear do Rebolim, em Coimbra, já foi identificado. 

Gil Maia Simões foi chefe dos bombeiros voluntários de Coimbra e estava, atualmente, no quadro de honra. 

A vítima só foi identificada um dia depois de ter sido encontrada morta no rio. Na altura em que desapareceu estava sozinho e os bens que deixou na margem antes de entrar na água não tinham a sua identificação. 

Colegas dizem que sabia nadar e conhecia bem o rio. Gil Maia Simões estaria em dificuldades e ainda pediu ajuda antes de desaparecer na água.

Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________