Bebé Nasceu em Ambulância dos Bombeiros de Aljustrel - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

terça-feira, 11 de junho de 2019

Bebé Nasceu em Ambulância dos Bombeiros de Aljustrel


Uma mulher de Aljustrel deu à luz, neste domingo, numa ambulância dos bombeiros locais. A parturiente foi recolhida nas bombas de gasolina de Aljustrel. 

O Hospital de Beja, que acompanhou a situação, deu luz verde para a ambulância se dirigir para esta unidade hospitalar. Mas não houve tempo. 

O parto ocorreu à saída de Aljustrel. A pequena Vita nasceu às 13h25, com 2,930 quilos. Mãe e filha estão bem.

"Fomos alertados para uma senhora em trabalho de parto. A equipa procedeu à avaliação e estabilização. Antes do início da viagem a senhora entrou em trabalho de parto, tendo a equipa auxiliado a bebé a nascer", explicam os Bombeiros de Aljustrel. 

Fonte do Hospital de Beja esclareceu ao CM que a parturiente seria sempre atendida em Beja, contrariamente a uma informação inicial que dava conta de que a ambulância se dirigia para Évora devido à falta de médicos em Beja. 

O serviço de Obstetrícia desta unidade hospitalar já está a funcionar em pleno desde ontem.

A falta de obstetras levou a que Hospital de Beja indicasse às grávidas, como alternativa, os hospitais de Évora (100 km), Setúbal (145 km) e Faro (150 km). 

Maternidade de Portimão só abre hoje 
O fecho da maternidade do Hospital de Portimão, desde sexta-feira, por falta de médicos, obrigou as grávidas a deslocarem-se a Faro. A maternidade, que retoma hoje o serviço, assegurou apenas partos eminentes.

PORMENORES 
Bombeiros de Aljustrel
Este ano já houve três partos em ambulâncias dos Bombeiros Voluntários de Aljustrel, a caminho do hospital.

Serviço já fechou 4 vezes
Desde o início do ano o serviço de Urgência Obstetrícia/Ginecologia do Hospital de Beja já fechou 4 vezes por falta de médicos. O fecho ocorreu nos fins de semana de 5 e 6 de janeiro, 2 de março e, no dia 12 de abril.

Fonte: Correio da Manhã

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________