Dois Bombeiros Feridos em Capotamento de Autotanque - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

domingo, 12 de maio de 2019

Dois Bombeiros Feridos em Capotamento de Autotanque


Dois bombeiros sofreram ferimentos ligeiros, na sequência de um despiste de um autotanque, ocorrido a 500 metros do perímetro urbano de Mértola, no distrito de Beja, logo após a passagem da ponte do rio Oeiras. O trânsito esteve cortado.

O alerta foi dado às 16.55 horas, quando a viatura, com capacidade de 33.500 litros, seguia para o reabastecimento de outras viaturas dos Bombeiros Voluntários de Mértola (BVM), que 15 minutos antes tinham saído para um incêndio agrícola que deflagrou no Monte Gatão, na freguesia de São Pedro de Sólis, a pouco mais de 30 quilómetros da sede de concelho.

O despiste, seguido de capotamento, ocorreu na Estrada Nacional 122, na ligação a Vila Real de Santo António, no sentido norte/ sul, tendo a viatura tombado para o lado direito.

Os dois ocupantes, que ficaram encarcerados, sofreram ferimentos ligeiros. O condutor apresentava escoriações na cabeça e a mulher que seguia ao lado sofreu uma fratura no braço direito. Foram transportados para o Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja, onde se encontram numa situação considerada "estável".

As operações de socorro, que contaram com o comandante distrital de operações de socorro, o tenente-coronel Vítor Cabrita, mobilizaram os bombeiros de Mértola e Almodôvar, a viatura médica de emergência e reanimação (VMER) de Beja e a GNR, num total de 15 operacionais, apoiados por sete viaturas.

Segundo os dados disponibilizados na página da Proteção Civil, este autotanque, que faz diariamente o abastecimento de água às populações, começou o dia de sábado no concelho, às 6 horas, com uma deslocação a São João dos Caldeireiros.

Os Bombeiros de Mértola assinalaram hoje o 48.º aniversário, com uma parada, desfile de viaturas pela vila e o recebimento de uma ambulância de transporte de doentes não urgentes (ABTD), oferecida pela Associação de São Bartolomeu dos Alemães em Lisboa (ASBAL), no valor de 30.400 euros.

Antes do almoço, a presidente dos BVM, Maria do Céu Andrade, deixou o repto à autarquia "para a necessidade de adquirir um novo autotanque", tendo o vereador da Proteção Civil, Mário Tomé, garantido que "o mesmo está ser negociado e chegará à corporação a médio prazo", concluiu.

O concelho de Mértola é um dos mais flagelados com a falta de água de abastecimento público nos muitos aglomerados populacionais, sendo este autotanque era o que diariamente levava a água, numa parceria entre os bombeiros e as Águas Públicas do Alentejo, do Grupo Águas de Portugal. Fonte da direção da corporação lamentou a perda do autotanque, definindo a viatura como "o grande ganha-pão dos bombeiros".

Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________