Governo Triplica Estruturas e Cargos de Comando Contra Incêndios - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

domingo, 14 de abril de 2019

Governo Triplica Estruturas e Cargos de Comando Contra Incêndios


Com a nova legislação, a estrutura operacional e de chefia de primeira linha da prevenção e combate passa de 23 cargos dirigentes para 65. Especialistas criticam esta inflação de unidades.

A estrutura do Estado empenhada na prevenção e no combate dos incêndios rurais está finalmente desenhada, com a publicação recente das novas leis orgânicas da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) e do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), entidades às quais deve ser ser somada a nova Agência para a Proteção Integrada de Fogos Rurais (AGIF), que dá os primeiros passos no terreno.

No somatório dos três organismos, a máquina está agora dotada de um número muito superior de estruturas de comando, tanto de nível superior como intermédio. E a cada unidade orgânica corresponde, naturalmente, um responsável pela mesma. Levando apenas em conta dirigentes de primeira linha (deixando de parte os segundos comandantes na Proteção Civil, por exemplo), o número de estruturas quase triplica, passando de 23 para 65.

Fonte: Expresso

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________